A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

01/02/2013 14:57

Secretaria confirma 3 mortes por dengue e 8 suspeitas em MS

Nícholas Vasconcelos
Vírus transmitido pelo Aedes aegypti matou 3 e atingiu 19 mil este ano em MS. (Foto: Rodrigo Pazinato)Vírus transmitido pelo Aedes aegypti matou 3 e atingiu 19 mil este ano em MS. (Foto: Rodrigo Pazinato)

A Secretaria de Estado de Saúde confirmou as 3 primeiras mortes provocadas pela dengue em Mato Grosso do Sul este ano. As confirmações, por meio dos exames, foram divulgadas na manhã de hoje e há ainda outras 8 em investigação. Foram notificados 19.956 casos até o momento momento.

A primeira vítima foi um idoso de 73 anos, morador de Aquidauana, que morreu na primeira semana de 2013. No entanto, a confirmação só foi repassada na manhã desta sexta-feira (1°).

Em Campo Grande, a primeira morte confirmada foi Ana Leite Ovelar, 61 anos. Ela ficou internada por três dias no HR (Hospital Regional) e morreu no dia 21 do mês passado.

Foi uma idosa a terceira vítima da doença no Estado. A mulher de 91 anos era de Nova Andradina e morreu na quarta-feira (30) depois de ficar internada por 9 dias em um hospital da cidade.

Os dois idosos não foram submetidos a exames, mas tiveram diagnóstico que apontou para a dengue.
São investigados 8 óbitos, dos quais 5 em Campo Grande, uma em Aquidauana,uma em Nova Andradina e uma em Sidrolândia.

Na Capital, são investigadas as mortes Vanderleia de Souza Oliveira, 45 anos, que morreu no começo do ano no HR. As outras quatro não divulgadas pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde).

De Aquidauana é investigado o caso de William Carpejani Júnior, 27 anos, que faleceu na quarta-feira (23) no Hospital do Coração.

Há ainda a suspeita de um adolescente de 15 anos em Nova Andradina, morto no dia 25 de janeiro e de Oribei da Silva, 64 anos, que morreu no dia 20 no HR de Campo Grande.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions