A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

26/06/2012 15:34

Semana de Combate às Drogas encerra programação hoje

Mariana Lopes

Segundo dados da Polícia Civil, 90% dos adolescentes infratores entram na criminalidade para sustentar o vício, começando pelos pequenos furtos

Embora o Dia Internacional de Combate às Drogas seja marcado hoje no calendário, 26 de junho, a programação de palestras e atividades da XIV Semana Nacional Antidrogas começou na semana passada, no dia 18, e focou em fazer alertas sobre o perigo e malefícios do vício.

A iniciativa, que encerra as ações hoje, foi promovido pelo Conselho Estadual Antidrogas (Cead) em parceria com o Conselho Municipal Antidrogas (Comad) com o objetivo de mobilizar a sociedade para a problemática do consumo de drogas, a partir de ações preventivas e compartilhadas.

Paralelamente à Semana Antidrogas, a Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude) também realizou palestras em escolas de Campo Grande, para orientar e alertar tanto os alunos quanto os pais.

A abordagem aos alunos foi mais no sentido de mostrar aos adolescentes que a curiosidade pelas drogas pode ser um caminho sem volta e aponta os estragos que o vício pode causar na vida de alguém.

Para os pais dos alunos, o assunto muda de direção e explana as formas como as drogas podem chegar aos adolescentes. Outro ponto importante alertado aos pais é prestar atenção no comportamento dos filhos.

Segundo a delegada da Deaij, Maria de Lourdes Souza Cano, 90% dos adolescentes infratores tem envolvimento com a droga. “É a porta de entrada para o crime, e a maioria começa pelos pequenos furtos. Eles fazem de tudo para sustentar o vício”, pontua.

A delegada alerta ainda que a droga está disponível em qualquer lugar, não apenas em boca de fumo. Ela cita exemplos de escolas que antes eram conservadoras e hoje buscam auxílio da polícia para orientar os alunos.

O secretário de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, participou da incineração  (Foto: Kayke Niz)O secretário de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, participou da incineração (Foto: Kayke Niz)

Incineração - Na sexta-feira (22), foram queimadas de mais de 21 toneladas de drogas, nos formos do frigorífico JBS Friboi, em Campo Grande. O secretário de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, atribuiu a grande quantidade de entorpecentes apreendidos ao trabalho diuturno realizado pelas Polícias Civil, Militar, Departamento de Operações de Fronteira (DOF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF) na repressão ao tráfico de drogas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions