A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

27/02/2015 14:50

Sindicato promove 2ª carreata contra aumento de impostos e combustíveis

Mariana Rodrigues
Devido ao aumento dos combustíveis, cerca de 10 mil trabalhadores do setor de transporte do Estado já foram demitidos (Foto: Marcos Ermínio).Devido ao aumento dos combustíveis, cerca de 10 mil trabalhadores do setor de transporte do Estado já foram demitidos (Foto: Marcos Ermínio).

O Setlog-MS (Sindicato das Empresas Transportadoras de Cargas e Logística de Mato Grosso do Sul), promove amanhã (28), uma carreata contra o aumento de impostos e combustíveis. O movimento pacífico terá concentração às 9h30, em frente a "Cidade do Natal", em Campo Grande.

De acordo com o Sindicato, a intensão é reunir outras entidades participantes, além de cidadãos trabalhadores que se sintam lesados pelo Governo Federal, seja pelo custeio de Bolsas Assistencialistas, ou que se sintam subordinados a juros altos e carga tributária excessiva para sanar dívidas e promessas de Campanha da presidente do Brasil Dilma Rousseff (PT).

Conforme informações do Setlog-MS, devido ao aumento dos combustíveis, cerca de 10 mil trabalhadores do setor de transporte do Estado já foram demitidos. O segundo aumento dos combustíveis neste ano, foi autorizado no último dia 16, pelo Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária). Em Mato Grosso do Sul, o litro do diesel pode ser reajustado em até 27%, com preço médio repassado ao consumidor de R$ 3,25.

A greve dos caminhoneiros teve início no último sábado (21), após reivindicações pela diminuição da pauta fiscal sobre o óleo diesel, que segundo eles, é um dos maiores problemas. Outra reivindicação é a redução do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços), de 17% para 12%.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions