A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017

31/07/2017 18:08

Temer estuda envio de Forças Armadas para atuar contra o crime organizado

Anahi Zurutuza
Presidente reunido com Reinaldo Azambuja (Foto: Governo do Estado/Divulgação)Presidente reunido com Reinaldo Azambuja (Foto: Governo do Estado/Divulgação)

Equipe formada por integrantes dos ministérios da Defesa e da Justiça será enviada a Mato Grosso do Sul para avaliar a necessidade e discutir plano de atuação das Forças Armadas na segurança da fronteira. A determinação foi do presidente Michel Temer (PMDB) a pedido do governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

Nesta segunda-feira (31), o governador Reinaldo Azambuja teve mais uma reunião com o presidente. “Mais uma vez, o presidente Michel se mostrou sensível à situação de abandono das nossas fronteiras, que estão escancaradas. Eledisse que vai mandar uma equipe para Mato Grosso do Sul para avaliar a situação e discutir um plano de ação das Forças Armadas em nosso Estado”, afirmou Azambuja, via assessoria de imprensa.

O relatório “Importância dos Investimentos em Segurança Pública nas Fronteiras do Brasil com o Paraguai e a Bolívia” foi entregue pelo governador ao comandante do país e aos ministros Aloysio Nunes (Relações Exteriores), Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo), Torquato Jardim (Justiça e Segurança Pública) e Sérgio Etchegoyen (Gabinete de Segurança Institucional).

Além de reforçar o pedido da presença federal nos mais de 1,5 mil km de fronteiras entre Mato Grosso do Sul e países vizinhos, Reinaldo argumentou que o sistema carcerário estadual está sobrecarregado com a quantidade de presos flagrados traficando entorpecentes.

 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions