A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

11/05/2010 16:33

TJ nega indenização à garota "desfiliada" pelo padrasto

Redação

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul negou hoje pedido de indenização que reflete os problemas da "adoção à brasileira". Uma garota de 21 anos, cujo pai ganhou na justiça o direito de anular o registro após separação, perdeu a ação em que requeria 500 salários mínimos por danos morais.

A história remete a 1989. De acordo com os autos do processo, o pai (D. M. S) casou-se com a mãe da garota ao saber que ela estava grávida e registrou a criança como sua após o nascimento. Em 1997, o casal se separou e a Justiça determinou o "desfazimento do laço patriarcal".

Entre contradições de ambas as partes

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions