A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

22/08/2008 09:00

Tribunal de Justiça decreta prisão de Nilton Servo

Redação

O Tribunal de Justiça decretou a prisão de Nilton Cézar Servo, acusado de chefiar a máfia dos caça-níqueis em Mato Grosso do Sul.

De acordo com o desembargador Romero Osme Dias Lopes, a prisão foi decretada para que Servo possa ser interrogado. O desembargador explicou que nos dois depoimentos marcados pelo juiz do caso, Servo apresentou atestados médicos, no entanto foi verificado que ele estaria em Palmas, capital do Tocantis.

Segundo Romero, o juiz havia marcado o interrogatório de Servo primeiramente para janeiro e depois para março. E agora, marcou para janeiro de 2009.

Servo é acusado de chefiar os jogos de azar no Estado e foi preso em junho do ano passado na operação Xeque-Mate, desencadeada pela PF (Polícia Federal). Ele foi solto cerca de um mês depois, por decisão judicial.

Servo é candidato a prefeito pelo PRB no município de Nova Esperança, Paraná. Ele declarou ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ter R$ 800 mil em jóias e R$ 900 mil em espécie.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions