A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018

09/01/2008 13:20

TRT ouve hoje testemunhas em processo de professora gay

Redação

Será realizada às 16h desta quarta-feira (9 de janeiro) na Justiça do Trabalho de Mato Grosso do Sul a audiência envolvendo testemunhas da professora Noyr Rondora Marques e da Secretaria Municipal de Educação, referente à demissão da funcionária. A professora alega ter sido discriminada, tendo seu contrato de trabalho rescindido após a divulgação de que ela mantinha um relacionamento com a também professora Carmem Sílvia Geraldo. A discussão será realizada no Fórum da Justiça do Trabalho, em Campo Grande.

Nesta tarde, será realizada uma audiência de instrução para o julgamento, quando serão ouvidas testemunhas das duas partes envolvidas. A defesa da professora convocou pais de alunos e ex-alunos maiores de 18 anos, enquanto a Semed chamou professores para testemunhar. O procurador jurídico do município Cerilo Casanta Calegaro Neto informou que pelo menos três professores deverão ser indicados pela Secretaria para depor.

O processo em questão envolve apenas a professora Noyr Marques, que era funcionária convocada. O caso de Carmem Geraldo tramita na Justiça comum

Motoristas envolvidos em contrabando terão habilitação cassada
O motorista que for condenado por dirigir veículo usado para receptação, descaminho ou contrabando de mercadorias terá sua carteira de habilitação ca...
STF decide que Ministério Público pode cobrar multas de ações penais
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (13) que o Ministério Público tem competência para ajuizar ações de cobrança de multas definidas em con...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions