A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

22/10/2011 09:29

Veja o que o candidato pode e não pode levar para as provas do Enem

Ângela Kempfer
(Foto: João Garrigó / Arquivo)(Foto: João Garrigó / Arquivo)

Para evitar fraudes e a “cola”, a organização do Enem é cheia de detalhes que devem ser respeitados pelos candidatos. Só é aceita caneta esferográfica preta e transparente, para evitar informações escondidas e porque o uso de outra cor impossibilita a leitura óptica do cartão de respostas.

Outros materiais serão coletados pelos fiscais de sala já na entrada do aluno. É proibida a utilização de lápis, borracha e lapiseira, o mesmo vale para dispositivos eletrônicos como celular e iPhone.

Quem perdeu o cartão de identificação enviado pelos Correios ainda pode imprimir o documento pela internet, no site do MEC.

O candidato também terá de apresentar documento de identificação original com foto. São aceitos Cédula de Identidade ou RG, emitida por Secretarias de Segurança Pública, Forças Armadas, Polícia Militar ou Polícia Federal; identidade expedida pelo Ministério das Relações Exteriores para estrangeiros; identificação fornecida por Ordens ou Conselhos de Classe, que por lei tenham validade como documento de identificação.

Também podem ser usadas Carteira de Trabalho e Previdência Social; Certificado de Reservista; Passaporte; ou Carteira Nacional de Habilitação com foto.

Em caso de perda de documento de identificação, o participante deve apresentar o Boletim de Ocorrência com data de, no máximo, 90 dias antes da data da prova.

Em Mato Grosso do Sul a prova começa às 12h, para 120 mil inscritos. Os portões abrirão uma hora mais cedo e a dica é antecipar a chegada para evitar imprevistos.

As provas serão aplicadas em 157 locais de Campo Grande. Nos dois dias de prova, a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) vai reforçar linhas de ônibus com mais unidades, já que no fim de semana a quantidade de coletivos circulando é tradicionalmente reduzida.

Será colocado carro extra a partir das 10h para as linhas que atendem a UCDB (Universidade Católica Dom Bosco), devido o acesso ao local pelo transporte coletivo ser limitado. O esquema também deve ser feito para atender o fluxo da Universidade Anhanguera, o maior ponto de concentração de candidatos neste ano.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions