ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  11    CAMPO GRANDE 32º

De olho na TV

Ex-dançarina do Tchan no elenco de Salve Jorge

Por Reinaldo Rosa | 19/10/2012 08:23

NÃO DA PARA NÃO VER – O horário político, por rádio e televisão, por ser obrigatório – como o voto – não tem como passar despercebido. Inclusive (ou principalmente) as incongruências nele inserido; cenas de pugilato, ao invés de propostas, proporcionam desgastes desnecessários e não ‘fazem mais a cabeça’ do eleitor e eleitora.

DORMINDO COM O INIMIGO – A nova coordenação de campanha do candidato do PMDB teima em bater no nome e histórico do adversário. Noite após noite, tem produção diferente com mais do mesmo. Num dia é 'eu fiz... e o Bernal?'. No outro; 'eu faço e aconteço. E o que Bernal fez?'. Certamente ele gostaria de fazer um agradecimento pelo merchandising fora de seu horário.

TOP – Elogiável a produção de TV da equipe de Edson Giroto, visitando, entrevistando e comparando – na base do antes e depois – a situação atual de alguns bairros da capital. Claro, são visíveis as diferenças e o progresso verificado; mesmo porque, periferias não fazem parte de cartão postal.

TOP TOP – Em seguida ao horário político vem a TV Morena, com seu MSTV 1ª Edição, mostrando resultados da chuva no dia anterior. Entrevistas (com verdadeiros princípios jornalísticos) revelam depoimentos de moradores sobre impossibilidade de tirar o carro da garagem ‘por culpa de imensa cratera na frente de casa’. Outro reclama que ‘ninguém faz nada pelo nosso bairro...’. Oposição agradece. À chuva e à equipe de jornalismo da emissora.

PAPO DE COMADRES - Nas entrevistas da nova fase da campanha do concorrente governista vem a indissimulável preocupação com o adversário (nunca com suas propostas) e a pergunta da ‘repórter’:  ‘você sabe de alguma coisa que o Bernal tenha feito por este bairro?’. Projetos do legislativo –nas várias instâncias- são como obras de canalização: não aparecem. Grande parte da população não tem o costume de bisbilhotar na Câmara ou Assembleia Legislativa o que seus representantes fazem. E a maioria daqueles entrevistados prefere sintonizar os programas de rádio de quem falam mal. Ingratos.

TEU FUTURO TE CONDENA – Na TV ou no rádio, mensagens nos remetem a reflexões. Nos últimos meses, é comum ouvir expressões como “vou criar oportunidades de emprego e renda’ seguidas de promessas com ‘vou assinar convênios para qualificar a mão de obra, preparando jovens para o primeiro emprego’, e outras do gênero. Na fala posterior, outro personagem grita a plenos pulmões que tenhamos ‘cuidado com quem não tem experiência’. Sintonia do descompasso.

FRED E ANA – Apenas três coisas são definitivas na vida: o voto, a morte e programa de horário político. No Brasil, claro.

Carminha atira em Santiago e ele é preso
Carminha atira em Santiago e ele é preso

ANTECIPE-SE - Antes de ser presa, Carminha vai atirar em Santiago no capítulo de hoje, em Avenida Brasil. No aeroporto, prestes a fugir com o dinheiro do sequestro de Tufão, Santiago diz que vai matar o ex-jogador e Nina. Carminha, discute com o pai, atira em Nicolau e na perna boa de Santiago. Enquanto os dois estão sofrendo com os ferimentos, a loura solta o ex-marido e Nina. É nesse momento em que Carminha se declara a Tufão e pede perdão.

SEM SURPRESAS - A vilã vai presa com o pai e seu comparsa, e é na delegacia que ela se declara assassina de Max. Vai para a prisão pagar pelos seus crimes. Há uma passagem de tempo e Lucinda vai buscar Carminha na prisão, que aparece com os cabelos escuros. A gravação foi feita perto do Projac na tarde de quarta-feira. De lá, as duas vão para o lixão. Nina e Jorginho vão ao encontro de Carminha com um bebê, filho do casal e neto dela. Nina e Carminha conversam e se reconciliam.

SALVE TCHAN - Ex-dançarina do grupo É o Tchan, Juliane Almeida está no elenco de Salve Jorge, próxima novela da Globo, de Glória Perez. A morena realizou testes para o papel de uma menina apaixonada por rock e que em dado momento recebe um convite para ir para Madri (Espanha). Deslumbrada, aceita a proposta, mas acaba sendo alvo de uma rede de traficantes de mulheres, sendo obrigada a se prostituir. Juliana foi aprovada pelo diretor Marcos Schechtman e pela própria autora, Glória Perez.

Dançarina do Tchan em Salve Jorge...
Dançarina do Tchan em Salve Jorge...
...juntamente com Flávia Alessandra, na Globo
...juntamente com Flávia Alessandra, na Globo