ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUINTA  02    CAMPO GRANDE 13º

De olho na TV

Passeatas para o bem do Brasil

Por Reinaldo Rosa | 26/06/2013 09:56

PELAS REDES SOCIAIS – Jornalistas e radialistas fora do ar sugerem aproveitar o atual momento de atendimento dos nossos ouvintes e reivindicar no difuso temário que ora observa-se no país. Alegam que cartazes com pedidos de fora vereadores e deputados das emissoras de rádios e repetidoras de televisão do MS seriam altamente pertinentes.

SELETIVO – Jornalista cordelista, Sérgio Cruz, dentro de ditames radiofônicos local, cria pauta de interesse geral em seu endereço digital. Uma, desta semana, teve grande repercussão e que, por motivos óbvios, o experiente ex-parlamentar não levará ao ar nas ondas do rádio.

LINGOTES - Nos anos de chumbo, em que uma ‘nova aurora’ era prometida para os brasileiros, foi promovida a campanha Ouro para o Bem do Brasil. Houve até quem entregasse alianças de casamento acreditando nas promessas do, então, país que vai pra frente.

FALÁCIAS DERRETIDAS – Sob censura, rádios e televisões difundiram que, com a arrecadação do precioso metal seria paga a dívida externa do país. Derretido o ouro (se é que foi) as doações não pagariam o débito de Xavantina que, um dia, iria nascer no sonhado estado a ser desmembrado do Mato Grosso.

DEU NO RÁDIO – Aproveitar-se do atual momento para sugerir a mudança de nomes das avenidas Ernesto Geisel e Costa e Silva, em Campo Grande, é falta do que pautar. Caso a tese fosse aprovada em lei, só a geração que está nascendo hoje mencionaria as possíveis novas nomenclaturas quando aprendessem a falar e escrever.

TAMU JUNTU – A Fiesp – Federação das Indústrias do Estado de São Paulo- a maior representante da classe patronal do país não dormiu de touca. A imponente sede da entidade vestiu-se da bandeira nacional para demonstrar apoio às passeatas que inundaram a Av. Paulista –seu endereço-.

VÁLVULA DE SCAFF – Os luminosos (em neon) da bandeira brasileira esconderam o presidente da federação paulista Paulo Scaff potencial pretenso candidato a governador de Sampa. Em tempo: a entidade mantém em seus quadros dirigentes representantes da indústria do transporte urbano.

CURA FELICIANO – Walcir Carrasco vai polemizar em Amor à Vida, da rede Globo. Projeto do presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, Marcos Feliciano, será alvo de discussão –e conseqüente condenação- nas instalações do hospital da trama.

SOBE E DESCE – Saramandaia não teve grande audiência na estréia –por culpa do horário- e decepciona quem conheceu a primeira exibição, em décadas passadas. Na Record, Dona Xepa resulta em mais um fracasso da emissora. Sai do ar antes do previsto.