A notícia da terra a um clique de você.
 
22/01/2018 08:17

Cosméticos tóxicos para o corpo humano

Mário Sérgio Lorenzetto
Cosméticos tóxicos para o corpo humano

No início deste ano, mais de uma dezena de grupos de defesa da saúde solicitaram ao governo dos EUA que banisse o uso de acetato de chumbo em pinturas de cabelo. O composto já foi proscrito da Europa e do Canadá há uma década. Estudos mostram que ele é prontamente absorvido pela pele e pode fazer com que níveis tóxicos de chumbo se acumulem no sangue. No Brasil o acetato de chumbo continua sendo vendido livremente, sem contestações importantes.
Como é possível que esta substância ainda seja vendida em cosméticos? O principal motivo é que o governo não têm condições de realizar os testes necessários para erradicá-lo do mercado. É preciso limitar a adição de produtos químicos perigosos usados em nosso rosto e no corpo. Vários produtos químicos com chances realistas de causar efeitos tóxicos podem ser encontrados em tudo, de xampu a pasta de dente. Um deles é o formaldeído, um produto cancerígeno usado em conservantes de cosméticos. Causam câncer no nariz, na cabeça, no pescoço e no sistema linfático. Quase 20% dos cosméticos levam formaldeído. Outras substâncias de risco incluem ftalatos, parabenos e triclosan que são usados na produção de sabonetes. Foram associados ao câncer e ao desenvolvimento neurológico comprometido em crianças.
Um estudo recente publicado no "American Journal of Obstetrics & Gynecology", mostoru que as mulheres de cor têm se submetido a um risco alto de exposição. Segundo os pesquisadores, ao tentar aderir aos ideais de beleza das mulheres brancas, as de cor são mais propensas a usar produtos químicos para alisar os cabelos e para clarear a pele, que desproporcionalmente as expõem a altas doses de ftalatos, parabenos, mercúrio e outras substâncias tóxicas.

Cosméticos tóxicos para o corpo humano

Cosméticos para mulheres maduras? Especialistas europeias aconselham.

A revista "Buena Vida" perguntou a duas especialistas europeias em quais cosméticos gastariam 100 euros (algo como R$390). Vejam as respostas:

Carmen Navarro aconselha os cosméticos para peles maduras e secas.

Cosméticos tóxicos para o corpo humano

Ela é uma das esteticistas mais procuradas da Europa. Têm 45 anos de experiência e é proprietária de oito famosos centros de estética. Estes são os cosméticos aconselhados e seus respectivos preços médios:
1. Creme de mãos concentrada, da Neutrogena ( R$27).
2. Contorno de olhos gel, da Olay ( R$58).
3. Água para limpeza e calmante para idosas, da Klorane (R$47).
4. Creme de tratamento global Multi Active Dia, da Clarins (R$ 163).
5. Baton CAmaleon Magic, da Colourstick ( R$ 30).
6.Maquiagem fluido Nutrilif Gold, da L´Oreal ( R$58).

Purificación Espallargas dá os conselhos para peles maduras e sensíveis.
Ela é uma das mais respeitadas especialistas em medicina estética e terapias "antiaging" (anti-envelhecimento). Leva mais de 30 anos de experiência e conhece todos os tratamentos médicos-estéticos.

Cosméticos tóxicos para o corpo humano

1. Sérum dia e noite. Azeite Rosa de Mosqueta, da OTC ( R$30).
2. Creme de dia. Hidro nutritiva com cor e SPF 30, da Skin Clinic (R$126).
3. Noite. Ampolas reparadoras, tratamento de choque, da Endocare ( sete unidades por R$117).
4. Limpar e tonificar. Água Micelar, da Bioderma ( R$ 20).
5. Maquiagem, paleta da Sephora ( R$20).
6. Lábios. Moisture Plus, da Carmex (R$20).
7. Cabelo. Shampoo e condicionador da The Body Shop. (R$15).

Cosméticos tóxicos para o corpo humano

Arlene Heyman: "O sexo entre idosos segue sendo tabú".

Ela sempre quis ser escritora, mas até 2016, com 74 anos, Arlene Heyman não viu editado nenhum de seus livros. "Havia conseguido publicar alguns relatos, mas rechaçaram vários de meus livros. Não tinha opção, tinha de insistir até conseguí-lo", afirma com segurança essa psiquiatra nova iorquina que não deixou ninguém indiferente quando debutou com seu "Sexo ainda" (não traduzido para o português). O livro- best seller nos EUA e Europa - descreve com detalhes e naturalidade temas como o sexo entre idosos, as enfermidades típicas dos mais velhos, as relações entre pais e filhos e as distintas etapas de suas vidas.
Heyman diz que teve de ser professora e abrir um consultório de psiquiatria - tudo que não desejava fazer - para sobreviver, até que seus livros encontrassem editor e vendessem bem. Ela se diz livre para dizer o que pensa. Uma de suas melhores tiradas é sobre Sigmund Freud: "Ele gostaria muito de meus livros, porque gostava muito de literatura. Ele leu Dostoievski, Dom Quixote, as tragédias gregas... Acredito que gostaria de meu livro porque poderia aprender algo sobre as mulheres. Ele não sabia muito sobre elas. Foi um gênio sobre o inconsciente, sobre os sonhos, o complexo de Édipo... mas estava centrado nos pênis". Ela também afirma que há uma enormidade de livros e de filmes sobre a sexualidade entre jovens, hoje, surgem mais sobre temas não convencionais como sexo anal, sexo oral...mas o sexo entre idosos segue sendo o grande tabú. E questiona: "Porque é tão complicado? Não custa imaginar que os avós comem, por que é tão duro crer que continuem amando e sigam querendo expressá-lo fisicamente. Não gostamos de pensar que nossos pais tenham sexualidade". Termina aplaudindo séries como " Gracie and Frankie", com Jane Fonda e Lily Tomlin, um drama cômico da Netflix que trata de sexo entre idosos. E também "Our Souls at Night" (traduzida como "Nossas Noites"), com Jane Fonda e Robert Redford.



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.