ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEGUNDA  30    CAMPO GRANDE 34º

Em Pauta

Imagine que você foi um dos que nasceu em 1900

Por Mário Sérgio Lorenzetto | 08/10/2020 07:26
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade
No seu aniversário de 14 anos, a Primeira Guerra Mundial começa e só termina quando você está com 18 anos, com um saldo de 22 milhões de mortos. Pouco depois, aparece uma pandemia, a gripe espanhola, matando 50 milhões de pessoas. E você está vivo com 20 anos. Quando tem 29 anos sobrevive à crise econômica mundial, que começou com a queda da Bolsa de N.York, ocasionando inflação, o desemprego atinge 25% dos trabalhadores do mundo, o PIB mundial cai 27%  e a fome se abate em milhões.

Quando tem 33 anos, os nazistas chegam ao poder. Quando tem 39 anos, começa a Segunda Guerra Mundial e termina quando tem 45 anos, com um saldo de 60 milhões de mortos. No Holocausto morrem 6 milhões de judeus. Quando você fez 45 anos, os Estados Unidos lançam a primeira bomba nuclear no Japão. Quando tem 52 anos, começa a Guerra da Coreia, 5 milhões de pessoas morrem. Quando tem 64 anos, começa a Guerra do Vietnã e só termina quando tem 75 anos. Quatro milhões de pessoas morrem nesse conflito.

No seu aniversário de 62 anos, surge a crise dos mísseis cubanos e turcos. O ponto crítico da guerra fria. O mais próximo que humanos pensaram em exterminar a humanidade. Grandes líderes impediram que isso ocorresse.

Um menino que nasceu em 1985 pensa que seus avós não tinham a menor ideia do quanto é difícil a vida. Mas eles sobreviveram a várias guerras e catástrofes. Hoje nos encontramos com todas as comodidades em um mundo novo, em meio de uma nova pandemia.

As pessoas se queixam porque tiveram de enfrentar alguns dias confinados dentro de suas casas. Mas elas têm eletricidade, comida, água quente, celular e um teto seguro em suas cabeças. Nada disso existia para aqueles que nasceram em 1900. Mas a humanidade sobreviveu aquelas duríssimas circunstâncias e nunca perdeu a alegria de viver.

Hoje nos queixamos porque temos de usar máscara para entrar no supermercado. Uma pequena mudança em nossas tarefas. Diminuta. Mas pode operar milagres salvando muitas pessoas. Vamos agradecer, você e eu, por estarmos vivos e vamos fazer tudo que for necessário para proteger-nos e nos ajudar mutuamente.





Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário