ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 31º

Direto das Ruas

Cronograma de 2ª dose da Coronavac em idosos depende de nova remessa federal

Idosos com mais de 80 anos que foram aos postos de saúde terão que aguardar cronograma do governo federal

Por Gabriela Couto | 17/02/2021 11:09
Segunda dose foi reservada apenas para o primeiro grupo prioritário da capital - (Foto: Divulgação)
Segunda dose foi reservada apenas para o primeiro grupo prioritário da capital - (Foto: Divulgação)

Depois da expectativa para receber a 1ª dose da vacina anti-covid, quem tem mais de 80 anos agora espera ansioso pela 2ª fase, mas sem data definida. Leitora do Campo Grande News, que não quis se identificar, diz que tomou a 1ª aplicação no dia 12, no posto Jardim Marabá e que agora está no escuro sobre quando será finalmente imunizada, já que a Coronavac depende de 2 doses. "Disseram para ela acompanhar o anúncio da data pela TV.”

De acordo com a assessoria de imprensa da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), estão guardadas 13 mil doses de Coronavac que serão reaplicadas nos trabalhadores de saúde, idosos asilados e pessoas com deficiência com mais de 18 anos que vivem em residências inclusivas.

A segunda dose desse grupo prioritário começou a ser aplicada no começo desta semana. Já a aplicação da segunda dose no público idoso acima de 80 anos não tem vacinas estocadas

Quem se vacinou no posto de saúde foi orientado a retornar na unidade em 28 dias, no caso da Coronavac e 120 dias para quem recebeu dose da Astrazeneca.

A expectativa é que até o dia 23 de fevereiro chegue nova remessa, mas ninguém sabe a quantidade que irá para cada Estado.

O governo federal deve anunciar no meio tarde de hoje (17) o cronograma oficial de novas remessas aos estados. A informação será repassada durante a reunião virtual do Fórum dos governadores.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário