A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Fevereiro de 2020

25/01/2020 18:24

Depois de conviver com erosões, moradores reclamam de lama após tapa-buraco

Reparos foram suspensos por causa das chuvas registradas nesta semana

Clayton Neves
Uma das ruas do distrito coberta por pedras e aterro. (Foto: Direto das Ruas) Uma das ruas do distrito coberta por pedras e aterro. (Foto: Direto das Ruas)

Depois de ter de conviver por meses com ruas cheias de buracos, moradores do distrito de Ananhaduí, em Campo Grande, reclamam da solução encontrada para solucionar o problema. Desde a semana passada, aterro e pedras têm sido usados para tapar os buracos, no entanto, com as chuvas dos últimos dias, denunciantes afirmam que as vias se tornaram verdadeiro lamaçal em meio a pedras.

Pintor de 30 anos, que preferiu não ser identificado, contou que pedaços de meio fio descartados de reforma na BR-163 foram usados como base. Em seguida, o aterro veio por cima. “O que eles não esperavam é que iria chover e virar essa lama que não deixa a gente passar”, explica.

 

 

Pedaços de meio fio usados para conter força da água. (Foto: Direto das Ruas) Pedaços de meio fio usados para conter força da água. (Foto: Direto das Ruas)

O morador afirma que tem um filho cadeirante, e por isso, ir e vir nas vias é trabalho ainda mais complicado. “Não tem como andar, quando a gente tenta passar de carro, as pedras batem embaixo do veículo. É um verdadeiro descaso”, conta.

Um denunciante pontua que nesta semana, o ônibus que faz o trajeto entre Anhandui e Campo Grande atolou duas vezes em um único dia. “A situação já estava ruim, mas agora está insuportável”, desabafa.

De acordo com Ernesto Francisco dos Santos, subprefeito do distrito, obras para melhorias das ruas de Anhanduí são executadas desde 2017. Segundo ele, nesta semana houve uma suspensão nos serviços por causa das chuvas registradas nos últimos dias. A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação da Prefeitura de Campo Grande.

“Recebemos o material para executar o serviço e a máquina está fazendo o que pode. O trabalho ainda não terminou”, disse. Sobre as pedras, Ernesto afirma que o material é colocado para conter o volume da força da água em áreas de erosões.

Direto das Ruas – A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

 

Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions