A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 19 de Agosto de 2018

16/07/2018 17:46

Queimadas em terrenos viram rotina na Vila Albuquerque, denunciam moradores

Baixa umidade e tempo seco ajudam a espalhar fogo em áreas próximas à avenida Interlagos; vizinhos relatam incômodo e prejuízos à saúde

Graziella Almeida
Foco de incêndio em área próxima a condomínio na Vila Albuquerque; relatos indicam que problema é corriqueiro. (Foto: Direto das Ruas)Foco de incêndio em área próxima a condomínio na Vila Albuquerque; relatos indicam que problema é corriqueiro. (Foto: Direto das Ruas)

Moradores da Vila Albuquerque, na região sul de Campo Grande, apontam para o aumento no número de queimadas em terrenos baldios nas imediações da avenida Interlagos, no trecho entre a UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e a Vila Morumbi. A reclamação é de que esses incêndios têm afetado a saúde e o bem-estar de quem vive na região.

Cláudio Pinho, que mora em um condomínio no bairro, afirma que as queimadas, que já são prejudiciais, causam danos graves por conta da longa estiagem e da baixa umidade do ar que atingem a cidade. Tais condições permitem que o fogo se alastre facilmente, gerando mais fumaça e desgaste.

Pinho afirma que a queixa é constante entre vizinhos. Eles destacam que o problema é diário e ocorre há quase um ano, nos fins de tarde. O morador afirma que já apresentou pedidos de providências a órgãos públicos, mas não obteve resposta.

“Começa com um fogueira, aí eles vão jogando lixo, borracha e o que mais tiver para queimar. Todo final de tarde é assim por aqui”, reclama.

A Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) informa que é responsabilidade de cada proprietário manter imóveis e terrenos limpos, mas é proibido se valer de queimadas com fins de limpeza. Os donos que fizerem uso da prática serão autuados e multados em valores entre R$ 2.243 e R$ 8.972. Cidadãos que flagrarem este tipo de situação podem efetuar denúncias via telefone, pelo 156, ou para a Patrulha Ambiental da Guarda Civil, pelo 153.

Direto das Ruas – A sugestão de matéria e vídeos chegaram ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions