A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

05/02/2018 17:58

Semadur investiga corte irregular de árvore em praça no Aero Rancho

Procedimento sem autorização pode render multa de R$ 16,2 mil

Kleber Clajus e Bruna Kaspary
Sombra na academia ao livre teria sido retalhada por empresário, depois de poda da prefeitura (Foto: Saul Schramm)Sombra na academia ao livre teria sido retalhada por empresário, depois de poda da prefeitura (Foto: Saul Schramm)

Denúncia de poda irregular de árvore na Praça Elup, no Bairro Aero Rancho III, está sendo apurada por fiscais da Semadur (Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Gestão Urbana). Situação divide opiniões, desde semana passada, entre quem mora ou trabalha no entorno.

A autônoma Neusa Nascimento, 50 anos, pontuou que a prefeitura fez poda e proprietário de lanchonete no local terminou cortando, no fim de tarde, todos os outros galhos. Dessa forma, se foi a sombra da academia entre as ruas Engenheiro Luthero Lopes e Tancredo Neves.

Para o cabeleireiro Valdo Silva, 40 anos, era preciso uma poda radical por conta do acúmulo de pessoas usando drogas no entorno e em cima da árvore. Ele disse ainda que na parte de trás do trailer de lanche camisinhas eram deixadas aos fins de semana, uma vez que a praça carece de iluminação. Somente duas de nove lâmpadas estariam em operação.

Reportagem do Campo Grande News tentou contato com o proprietário do estabelecimento localizado na praça, porém não obteve retorno no número colocado na placa da lanchonete.

Em nota, a Semadur ressaltou que somente proprietário do imóvel e seu representante legal podem solicitar poda ou remoção de árvores na calçada ou interior do terreno. Procedimento inclui protocolo na CAC (Central de Atendimento ao Cidadão), inspeção por fiscal e emissão de laudo que permita ou não a execução do serviço. 

No caso de praças e canteiros públicos, a prefeitura assume a responsabilidade pela poda ou remoção, desde que acompanhada de laudo técnico da Semadur. Já sobre o espaço no Aero Rancho a denúncia foi encaminhada ao setor de fiscalização para vistoria no local.

De acordo com a Lei Complementar n. 184, que dispõe sobre o Plano Diretor de Arborização Urbana, quem corta ou retira árvores sem autorização está sujeito a multa entre R$ 468,14 a R$ 16.229,32. Denúncias, neste caso, podem ser feitas pelo telefone 156 informando local e responsável pela infração para que seja posteriormente autuado.

Direto das Ruas - A sugestão de matéria chegou ao Campo Grande News por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

Na semana passada, junto com galhos, moradores colocaram entulho na rua atrapalhando os pedestres (Foto: Saul Schramm)Na semana passada, junto com galhos, moradores colocaram entulho na rua atrapalhando os pedestres (Foto: Saul Schramm)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions