A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 14 de Novembro de 2018

17/11/2017 20:59

Até o fim do ano, empresas realizam quatro mutirões para 'limpar o nome'

Nyelder Rodrigues

A chegada do fim de ano aquece o comércio, principalmente por causa do 13º salário. E pensando nisso, será promovido um mutirão para "limpar o nome" de consumidores que estão com débitos e, por isso, negativados e impossibilitados de conseguir crédito para as compras de Natal.

Na próxima semana, entre segunda (20) e sexta-feira (24), será realizada a Semana Nome Limpo, mutirão de conciliação de iniciativa conjunta entre o Nupemec (Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos) da Justiça Estadual e Acicg (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande).

Até o final de 2017, outras ações conciliatórias serão realizadas. Entre os dias 27 de novembro e 1º de dezembro, o Cejusc da Uniderp realiza mutirão com a escola Mace de casos já ajuizados e também os pré-processuais.

Na sequência será a vez do mutirão da empresa concessionária de energia elétrica, Energisa, que ocorrerá no período de 4 a 8 de dezembro, e contará com 3 mil clientes para um acordo. Finalizando o ano, a Águas Guariroba realiza seu mutirão de 11 a 15 de dezembro. A empresa convidou 5 mil pessoas para a ação.

A ação da semana que vem acontecerá na sede da Acicg, que fica na rua 15 de Novembro, 390, em frente à praça Ary Coelho. Foram convocadas mais de 13 mil pessoas para participarem de audiências de conciliação.

Empresas de diversos ramos, como concessionárias de serviços públicos, escolas, lojas e até uma revendedora de joias, vão participar. Os devedores receberam uma carta-convite com todas as informações necessárias. Os acordos serão homologados pelo juiz Cézar Luiz Miozzo.

Caixa suspende Minha Casa Minha Vida para faixa intermediária
A Caixa anunciou nesta terça-feira (13) que suspendeu, por falta de recursos, a contratação de novas unidades habitacionais do programa Minha Casa Mi...
Dólar tem maior alta diária em 2 meses, cotado a R$ 3,83
O dólar fechou a terça-feira (13) em alta de 1,99%, vendida a R$ 3,831. Esta foi a maior alta percentual diária desde 21 de agosto, quando a moeda va...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions