ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SEXTA  12    CAMPO GRANDE 11º

Economia

Com quarta semana seguida de alta, Dólar atinge valor de R$ 5,38

O dia começou com uma tendência de queda para o dólar, chegando a ser cotado a R$ 5,34 pela manhã

Por Gabriel de Matos | 14/06/2024 20:00
Cédula do dólar, moeda utilizada em transações internacionais. (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)
Cédula do dólar, moeda utilizada em transações internacionais. (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

Nesta sexta-feira (14), o mercado financeiro brasileiro viveu um dia de intensa volatilidade, marcado por movimentos contrastantes no dólar e na bolsa de valores. Após duas quedas consecutivas, o dólar comercial encerrou o dia vendido a R$ 5,382, registrando uma alta de R$ 0,015 (+0,28%).

Esta valorização consolidou a quarta semana seguida de alta para a moeda norte-americana, que acumula um aumento de 1,08% na semana e 2,5% ao longo do mês de junho. No acumulado do ano, o dólar já apresenta uma valorização de 10,9%.

O dia começou com uma tendência de queda para o dólar, chegando a ser cotado a R$ 5,34 pela manhã, mas ao longo da tarde, a moeda ganhou força e se estabilizou em torno de R$ 5,38, refletindo a sensibilidade do mercado às notícias internas e externas.

Enquanto isso, na bolsa de valores, o índice Ibovespa da B3 encerrou praticamente estável, com leve avanço de 0,08%, fechando aos 119.662 pontos. A semana, no entanto, foi marcada por uma queda de 0,91% no índice, refletindo a cautela dos investidores diante das flutuações do mercado.

A volatilidade observada ao longo do dia foi influenciada por uma série de fatores tanto internos quanto externos. Pela manhã, investidores reagiram positivamente à manifestação de apoio da Febraban (Federação Brasileira de Bancos) à agenda de equilíbrio fiscal do ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias