ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SEXTA  18    CAMPO GRANDE 26º

Economia

Estiagem de três meses faz prefeito de Mundo Novo decretar emergência

Por Wendell Reis | 09/03/2012 08:18

Falta de chuva provocou perdas consideráveis das pastagens e produção de grãos

Setor agropecuário figura entre as principais atividades econômicas do Município (Foto: Divulgação)
Setor agropecuário figura entre as principais atividades econômicas do Município (Foto: Divulgação)

O prefeito de Mundo Novo, Antônio Cavalcante, decretou estado de emergência nesta sexta-feira (9). O pedido foi publicado no Diário Oficial do Estado. O prefeito decretou emergência baseado na forte estiagem que atingiu o município desde meados de novembro até o final de dezembro, repetindo-se de meados de janeiro até os dias de hoje.

O prefeito explicou que o setor agropecuário figura entre as principais atividades econômicas do Município e a falta de chuva, aliada a altas temperaturas, provocou perdas consideráveis das pastagens e produção de grãos, influenciando negativamente na arrecadação e provocando desequilíbrio econômico no Município.

Cavalcante alega ainda que os grãos que salvaram apresentam uma redução drástica na classificação comercial. A seca também atingiu as pastagens, o que influenciou na produção de leite e de carne, visto que o gado emagreceu muito.

O prefeito ressalta que os prejuízos provocam a incapacidade de pagamentos do custeio e investimentos na atividade rural. O decreto é valido para a área rural que, comprovadamente, foi afetada pelo “precitado desastre”.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário