A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

18/06/2012 13:49

Exportações de industrializados em MS já superam US$ 1 bilhão neste ano

Paula Vitorino

As exportações de produtos industrializados de Mato Grosso do Sul já soma a receita de US$ 1,05 bilhão no balanço feito entre janeiro e maio pelo Radar Industrial da Fiems, com base nos dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

O valor representa crescimento de 4,1% em relação ao mesmo período do ano passado, quando a receita chegou a US$ 1 bilhão. Na comparação com os anos de 2009 e 2010, o crescimento foi de 28,4%.

Na avaliação do presidente da Fiems, Sérgio Longen, o crescimento reflete diretamente na participação das vendas de produtos industrializados no total das exportações do Estado.

Segundo ele, a indústria já é responsável por 63,4% da receita de US$ 1,65 bilhão obtida com tudo que foi exportado pelo Estado de janeiro a maio.

“Isso confirma as nossas expectativas de que devemos encerrar o ano de 2012 com receita acima dos US$ 2,87 bilhões alcançados em 2011 apenas com a venda de industrializados”, diz.

O levantamento do Radar da Fiems ainda aponta que, com uma receita equivalente a US$ 296,4 milhões obtida no mês passado, maio registra o segundo melhor resultado já alcançado em exportação de industrializados do Estado, ficando atrás somente de setembro de 2011 com US$ 354,9 milhões.

Mas com relação ao volume de industrializados exportados no período de janeiro a maio deste ano, o total é de 2,71 milhões de toneladas, indicando uma redução de 10,3% em relação à igual período de 2011, quando foi vendido ao exterior o equivalente a 3,02 milhões de toneladas de produtos industrializados.

Principais - Neste ano, os principais grupos de industrializados que apresentaram crescimento nas exportações foram: “Complexo Carne”, com alta de 12,6%, “Açúcar e Álcool”, com elevação de 44,9% e “Papel e Celulose”, com aumento de 8,2%.

O destaque ficou com o grupo de “Óleos Vegetais Bruto e Refinado”, com faturamento de US$ 73,5 milhões.

Dentro do grupo “Complexo Carne”, os produtos de maior destaque são as carnes desossadas e congeladas de bovinos. As vendas externas de carne bovina apresentam melhor desempenho frente a 2011, especialmente por conta das compras efetuadas pela Rússia.

No primeiro caso, os russos, que sempre estiveram entre os principais compradores do produto sul-mato-grossense, adquiriram o equivalente a US$ 52,9 milhões em 2011 e, somente nos cinco primeiros meses de 2012, os valores já atingiram a marca de US$ 113,4 milhões, resultando em aumento de 114%.

Procon da Capital abre campanha para orientar comércio e consumidor no Natal
O Procon (Subsecretaria de Proteção e Defesa do Consumidor) de Campo Grande dá início nesta segunda-feira (18) a uma semana de orientação e atendimen...
Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...
Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions