ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEXTA  10    CAMPO GRANDE 23º

Economia

Fecularia vai investir R$ 12,4 milhões e gerar 240 empregos em Anaurilândia

Recursos foram obtidos junto ao FCO e serão utilizados na implantação de uma indústria de amido e fécula

Por Rosana Siqueira | 03/06/2020 13:51
Indústria vai comercializar amido e fécula de mandioca (Divulgação)
Indústria vai comercializar amido e fécula de mandioca (Divulgação)

Com investimentos de R$ 12,4 milhões do FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) o município de Anaurilândia vai receber nos próximos meses uma indústria de Fecularia de Mandioca. A indústria deve gerar 240 vagas de trabalho, entre empregos, diretos e indiretos na produção, industrialização e comercialização de amido e féculas de mandioca.

O projeto foi viabilizado após a aprovação de financiamento no valor R$ 12,44 em 26 de maio, na última reunião do CEIF/FCO (Conselho Estadual de Investimentos Financiáveis pelo FCO), presidido pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).

“É um empreendimento importante para Anaurilândia pois vai absorver a produção de mandioca da região e movimentar a economia com geração de 40 empregos diretos e 200 indiretos. Essa é um preocupação fundamental do governo do Estado, principalmente no período pós-pandemia”, afirma o secretário Jaime Verruck, da Semagro, que preside o CEIF/FCO.

A indústria Anaurilândia Amidos Ltda terá capacidade de processar até 200 toneladas de mandioca por dia, assim que entrar em operação com uma produção diária de 130 toneladas/dia de féculas e outros produtos. Conforme a Prefeitura de Anaurilândia, a empresa deve ser construída às margens da MS-276, próximo às instalações da Cooperativa Copasul.

“Trabalhamos com total dedicação para que esta e outras empresas se instalem em Anaurilândia, gerando emprego e renda para a população e alavancando a economia do município”, comenta o prefeito do município, Edinho Takazono.