ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 17º

Economia

FGTS de enfermeira 'aparece' e Caixa diz que verba estava bloqueada

Por Nyelder Rodrigues | 11/04/2017 19:21

Quatro dias após a enfermeira Michelle Echeverria, de 35 anos, descobrir que parte do FGTS dela "sumiu" ao ir sacar o valor retido nas contas inativas, a gerência da Caixa Econômica entrou em contato com a cliente e explicou a situação, afirmando que o dinheiro não tinha sumido, como aparentava.

O contato foi realizado no fim da tarde desta terça-feira (11), e o gerente, que se identificou apenas como Valdir, afirmou que o valor que ela tem direito não estava liberado. A previsão é que ela receba a indenização do FGTS na próxima semana.

A situação começou no dia 10 de março, quando Michelle foi até à agência da Caixa tentar sacar a verba indenizatória retida em conta inativa, mas conseguiu sair com apenas parte do dinheiro, já que houve um problema no sistema. A promessa era de que a Caixa entraria em contato para solucionar o caso.

Porém, sexta-feira (7), ela buscou novamente informações sobre a conta e descobriu que o valor restante tinha "sumido". A reportagem buscou uma resposta com a Caixa, mas não conseguiu. Entretanto, a gerência entrou em contato com a enfermeira.

"O gerente me ligou e disse o dinheiro está lá, mas não tinha sido liberado para pagamento ainda. Vou ter que ir lá na quinta-feira (13) com meus documentos pessoais para que essa solicitação de pagamento seja feita manualmente", conta Michelle, que também recebeu como resposta do gerente que houve uma falha de informação.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário