A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

22/03/2011 16:52

JBS inicia demissão em massa e deixa 200 trabalhadores sem emprego

Jorge Almoas

Número de demissões pode chegar a 500

O frigorífico JBS iniciou ontem processo de demissão em massa de trabalhadores nas unidades localizadas em Campo Grande. Em um dia, 200 trabalhadores foram demitidos e o número de desligamentos pode chegar a 500.

Na unidade que funcionava no antigo Frigorífico Bordon, localizado na saída para Aquidauana, foram demitidos 80 trabalhadores.

E na planta industrial da unidade II (antigo Bertin), que fica na saída para Sidrolândia, o número de demitidos chega a 100 trabalhadores.

Os funcionários demitidos disseram que o número de demissões podem chegar a 500. Como medida paliativa, a empresa vai fornecer 3 cestas básicas para ajudar as famílias até que os trabalhadores demitidos consigam emprego.

Em casos de demissões coletivas, a empresa deve realizar negociações antes de optar pelo desligamento em massa, informou Fábio Bezerra, presidente da UGT-MS (União Geral dos Trabalhadores de MS).

Trabalhadores da unidade I foram informados que a “área fria” do frigorífico, onde é feita a desossa, será desativada. Por conta disso, o abate dos bois se dará na unidade I, enquanto a desossa deve passar a ser feita exclusivamente na unidade II.

Segundo sindicalistas, a unidade II do grupo JBS em Campo Grande foi comprada do grupo Bertin com dinheiro do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Sustentável).



Será que vão culpar a chuva por essas demissões também...
 
Oswaldo Junior em 23/03/2011 08:18:27
VERGONA NA CARA, CARATER, HONESTIDADE, esse pessoal levou milhoes do governo federal, comprou a Bertin, que ganhou terreno de 150 alqueires, da prefeitura, ganhou verbas, dinheiro do estado, comprou tudo, avioes, ate um banco eles compraram tudo com o nosso dinheiro, quem viscaliza?. MP cade vcs? Judiciario cade Vcs? OAB cade Vcs?. Deus onde estais?/falta honestidade e vergonha, cade o TCE , TCU sao todos comprados? ATE TU BRUTUS.
 
Jose Alves em 22/03/2011 09:32:02
È muito fácil contratar ou demitir, quando tudo que é feito é apoiado pelos nossos governantes. abre a mão e "empresta" dinheiro a longo prazo para empresários, enquanto isso o JBS compra de tudo no esterior. com o preço que está a carne não existe prejuízo, se existisse não teria lucrado no ano passado na casa de MILHÕES.
 
mauricio andrade em 22/03/2011 07:25:29
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions