A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

01/06/2017 17:45

Namorados devem movimentar em torno de R$ 160 milhões em MS

Números fazem parte de pesquisa divulgada nesta quinta-feira

Osvaldo Júnior
Lojas se preparam para receber consumidores (Foto: Marcos Ermínio) Lojas se preparam para receber consumidores (Foto: Marcos Ermínio)

Gastos com presentes e comemorações relativos ao Dia dos Namorados devem movimentar quase R$ 160 milhões em Mato Grosso do Sul, conforme pesquisa divulgada na tarde desta quinta-feira (dia 1º) pelo IPF (Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Fecomércio/MS) e Sebrae-MS (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Mato Grosso do Sul).

Dos entrevistados, 44% disseram que pretendem presentear o namorado ou comemorar a data em locais diversos. A troca de presentes deve proporcionar R$ 98,49 milhões ao comércio do Estado, valor 28% acima dos R$ 79,78 milhões estimados no mesmo período de 2016. O desembolso médio por consumidor é de R$ 146,08 neste ano e de R$ 127,02 no ano passado.

Em se tratando de comemorações (dado que não consta na pesquisa de 2016), os gastos devem somar R$ 61,08 milhões. O valor médio por pessoa é de R$ 94,06. O maior dispêndio será com passeio (R$ 96,74).

Os namorados também planejam comemorar a data em restaurantes (com gasto médio de R$ 93,36), motéis ou hotéis (R$ 82,33), alimentação em casa (R$ 74,05) e com bebidas (R$ 43,12).

Namorados devem movimentar em torno de R$ 160 milhões em MS

Com relação à forma de pagamento, 66% dos consumidores vão pagar as contas em dinheiro e 72% afirmam que farão as compras durante a semana do dia 12 de junho.

“Importante ressaltar, ainda que 77% farão pesquisa de preço e 40% dizem que vão levar em consideração a qualidade, o diferencial e o design do produto, além do preço (31%)", informou o presidente do Sistema Fecomércio MS, Edison Araújo.

"É um movimento importante em que os empresários podem desenvolver estratégias para atender a essa clientela, seja com equipe capacitada e à postos para fazerem negociação de preço”, sugere.

Foram aplicados 2.148 questionários em 13 municípios do Estado, de 11 a 23 de maio. As margens de erro variam de 5% a 8%, de acordo com os pesquisadores.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions