A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 13 de Novembro de 2018

30/01/2013 17:49

Nos postos de Campo Grande, gasolina comum já chega a R$ 2,99

Reajuste também atinge o diesel, que sai por R$ 2,52

Nícholas Vasconcelos e Helton Verão
Reajuste já entrou em prática na tarde desta quarta-feira na Capital. (Foto: Luciano Muta)Reajuste já entrou em prática na tarde desta quarta-feira na Capital. (Foto: Luciano Muta)

Menos de 24 horas depois de autorizado o reajuste da gasolina, postos de Campo Grande já passaram a cobrar preços mais altos com valores que já chegam aos R$ 2,99 pelo o litro da gasolina comum. Em outros, o combustível ainda não foi reajustado e o consumidor tem até amanhã para abastecer pelo valor antigo. A justificativa é de que os postos não podem segurar o aumento da Petrobrás.

No posto que fica na esquina das ruas Rui Barbosa com Dom Aquino, no Centro da cidade, a gasolina foi reajusta às 14h em ponto. Por lá, o litro da gasolina passou de R$ 2,80 para R$ 2,94.

O novo preço é o mais alto já praticado no estabelecimento e frentista Edmilson da Silva Santos aposta em outra arma.

“A solução é atrair o cliente pelo bom atendimento sempre, o bom atendimento pode fazer a diferença”, comentou.
Já no posto que fica na rua 26 de Agosto com a Joaquim Dornellas, no Amambaí, a gasolina está no prelo de R$ 2,83.

“Ele ainda não chegou”, comentou um funcionário.

Em outro ponto da cidade, na esquina das avenidas Júlio de Castilhos com a Tamandaré, às 14h a gasolina passou de R$ 2,80 para R$ 2,99. O reajuste foi sentido também na aditivada, que antes saía por R$ 2,84 e agora custa R$ 3,04.
Já o etanol passou a custar R$ 2,09 e diesel R$ 2,52.

Por lá, a aposta é que a atenção dispensada aos clientes ajude a amenizar o preço. “O bom atendimento sempre faz a diferença”, diz o gerente Nei Fernandes.

Também na Júlio de Castilhos é possível encontrar preços pelos valores antigos, com a gasolina comum por R$ 2,80 e o diesel por R$ 2,24. Nesse estabelecimento, o dono prevê que os valores cobrados subam entre amanhã ou depois de amanhã, quando os estoques serão renovados.

“A gasolina é necessária, não acho que tenha que ter atrativos, já que é uma necessidade”, comentou o empresário Juarez Ubaldo, 47 anos.

 

Reajuste no preço da gasolina poderá ser menor para consumidor, diz Mantega
O ministro da Fazenda, Guido Mantega, calcula que o reajuste no preço da gasolina será menor para o consumidor e chegará a cerca de 4%. Segundo ele, ...
Gasolina e diesel ficam mais caros a partir desta quarta-feira
A Petrobras anunciou no início da noite desta terça-feira (29) o aumento de 6,6% no preço da gasolina comum (Gasolina A) e de 5,4% no preço do óleo d...
Dólar tem maior alta diária em 2 meses, cotado a R$ 3,83
O dólar fechou a terça-feira (13) em alta de 1,99%, vendida a R$ 3,831. Esta foi a maior alta percentual diária desde 21 de agosto, quando a moeda va...


Lamentável o comentário do empresário Juarez Ubaldo. “Não precisa ter atrativos, gasolina é uma necessidade.” Que se dane os consumidores que precisam.
 
Ademir Rodrigues em 31/01/2013 08:43:55
Quando é pra aumentar, rapidinho é feito o reajsute;
Mas quando é pra diminuir, é uma briga só!
Que vergonha!
 
Anderson Silva em 30/01/2013 19:02:28
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions