A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018

24/07/2010 15:19

Prazo para entrega de IR das empresas vence dia 30

Redação

As empresas que não entregaram a declaração do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) 2010 têm até o dia 30 para enviar as informações à Receita Federal, que promete não adiar novamente o prazo. Este ano, a certificação digital passou a ser obrigatória e a Receita precisou adiar a entrega, prevista para o fim de junho, para que um número significativo de empresas pudesse cumprir a obrigação.

Para as empresas que não quiserem adquirir a certificação, a opção mais em conta, e aceita pela Receita, é a entrega da declaração por meio de procuração digital. Com a procuração, um contador pode assinar digitalmente documentos contábeis e fiscais de várias empresas.

O coordenador-geral da Área de Arrecadação e Cobrança, Marcelo Lins, não admite mais atrasos, pois, segundo ele, nada mudou na declaração do Imposto de Renda Pessoa Jurídica. "O formulário e o programa de computador gerador da declaração estavam prontos desde o início do prazo e a única mudança foi justamente a a certificação digital".

As empresas que entregarem a documentação fora do prazo receberão multa de 2% ao mês, incidente sobre o montante do imposto informado na declaração, ainda que integralmente pago, limitada a 20%. O valor mínimo da multa é de R$ 500.

A certificação digital é importante porque dá segurança ao contribuinte, ao garantir a origem da informação por meio de criptografia - códigos mais difíceis de serem decifrados, inclusive na internet. O contribuinte assegura ao Fisco que é ele o remetente da informação.

Segundo Marcelo Lins, o custo aproximado para uma empresa ter a ferramenta é de R$ 150, valor considerado pequeno em relação às suas operações.

(Com informações da Agência Brasil)

Dólar sobe 1% e fecha quinta-feira cotado acima dos R$ 3,70
O dólar fechou a quinta-feira (18) cotado acima dos R$ 3,70. A moeda subiu 1,16%, atingindo R$ 3,7250. O Índice Bovespa (Bolsa de Valores de São Paul...
Loja terá que pagar indenização por colocar nome de consumidor no SPC e Serasa
Os desembargadores da 5ª Câmara Cível negaram recurso da rede de varejo Casas Bahia contra sentença que a condenou ao pagamento de R$ 7 mil por danos...
Justiça condena empresa telefônica por bloquear linha de cliente
Os desembargadores da 3ª Câmara Cível negaram recurso da companhia telefônica Tim, condenada em primeiro grau a pagar R$ 8 mil a um morador de Três L...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions