ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 25º

Economia

Prefeitura faz mudanças na lei que regula benefícios concedidos pelo Prodes

Foram alterados prazos e acrescentados documentos necessários para a concessão dos incentivos fiscais e terrenos

Ricardo Campos Jr. | 08/08/2018 13:29

A prefeitura fez algumas mudanças na lei que disciplina o Prodes (Programa de Incentivos para o Desenvolvimento Econômico e Social de Campo Grande). Os trechos reescritos foram publicados na edição desta quarta-feira (8) do Diário Oficial.

Esse programa permite que empresas recebam doações de terrenos públicos e até descontos em impostos em troca da geração de novos empregos e investimentos na economia local.

A partir de agora, além dos documentos que já eram obrigatórios para solicitar o benefício, os interessados deverão apresentar também: certidões negativas das Fazendas Públicas Federal, Estadual e Municipal, do INSS e FGTS, bem como de ações cíveis e criminais da empresa e dos sócios.

Se houver pendências, as empresas poderão fazer uma justificativa que será analisada pela Sedesc (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e de Ciência e Tecnologia). O órgão pode autorizar o prosseguimento do processo se julgar que as restrições não prejudicam as obrigações que serão assumidas caso os incentivos sejam aprovados.

Além disso, a efetivação dos benefícios só vai ser feita quando o pedido for aprovado, a lei autorizativa for publicada e depois de assinado o termo de compromisso com os encargos a serem assumidos tanto pela companhia como pelo município.

Se os incentivos estiverem condicionados à construção de algum empreendimento pela solicitante, o prazo de 90 dias para o começo das obras passará a valer a partir do alvará. Os textos completos podem ser conferidos a partir da primeira página do noticiário público.

Nos siga no Google Notícias