A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 19 de Junho de 2018

27/06/2014 15:13

Prefeitura pretende entregar seis mil casas até início de 2015

Ludyney Moura e Aline dos Santos
Marta Martinez também quer diminuir déficit de 25 mil casas na Capital (Foto: Marcelo Victor)Marta Martinez também quer diminuir déficit de 25 mil casas na Capital (Foto: Marcelo Victor)

A diretora presidente da Emha (Agência Municipal de Habitação), Marta Lúcia Martinez, revelou na manhã de hoje, durante o balanço dos 100 dias da gestão do prefeito Gilmar Olarte (PP), que a Prefeitura pretende concluir e entregar seis mil casas até o início do próximo ano.

Marta afirmou que a conclusão das unidades habitacionais está entre os principais objetivos de Olarte. “Serão 10 residenciais nas regiões do Jardim Carioca, região do Segredo, Lagoa e Moreninhas (região bandeiras), até o início de 2015”, revelou.

Para a nova presidente da Emha, a Prefeitura da Capital trabalhar mudar o resultado apontado pelo Plano Municipal de Habitação elaborado em 2010, e que apontou deficit 25 mil moradias para famílias com renda na faixa de zero a três salários mínimos.

“O setor habitacional tem sido cobrado pelo prefeito, e temos dado bastante atenção a ele. E estamos trabalhando para buscar mais recursos junto ao Governo Federal para novas casas e também para regularização dos usuários atuais”, ponderou Marta.

Olarte fez questão de ressaltar que até agora já foram entregues, por sua gestão, 808 unidades habitacionais, no residencial Nelson Trad, região Oeste da Capital, e que não administração de seu antecessor, o prefeito cassado Alcides Bernal (PP), o setor habitacional enfrentou travamento, tanto na liberação de licenças, quanto na construção de casas.

Saques do PIS/Pasep colocarão R$ 34,3 bilhões na economia
A partir de hoje (18), os brasileiros com mais de 57 anos, que são titulares de contas inativas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e...
Brasil deixou de arrecadar R$ 354,7 bi com renúncias fiscais em 2017
Com meta de déficit primário de R$ 159 bilhões neste ano e com um teto de gastos pelas próximas duas décadas, o governo teria melhores condições de s...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions