A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

17/04/2017 17:01

Trabalhador de MS tem dinheiro de FGTS inativo sacado em MG e RJ

Ricardo Campos Jr.
Detalhe em amarelo no extrato mostra saques feitos de conta inativa de servidor público (Foto: arquivo pessoal)Detalhe em amarelo no extrato mostra saques feitos de conta inativa de servidor público (Foto: arquivo pessoal)

Um funcionário público de 30 anos, morador de Campo Grande, teve R$ 324,09 de contas inativas de FGTS sacados por desconhecidos em bancos do Rio de Janeiro e Belo Horizonte. A suposta fraude foi descoberta quando ele decidiu consultar o saldo pela última vez na internet antes de ir a uma agência para retirar o montante.

O servidor, que pediu para não ser identificado, descobriu que tinha R$ 700 para resgatar quando Governo Federal anunciou a liberação do dinheiro.

Pela data de nascimento, ele foi encaixado na segunda leva dos benefícios, que iniciou dia 10 de abril. Nessa data, ele separou a documentação necessária e entrou novamente no site da Caixa para imprimir o extrato. Contudo, parte da quantia já não estava mais na conta.

“Eu ia sacar no primeiro dia. Meu plano era pegar esses extratos e ir ao banco. Quando fui ver, descobri que já tinham sacado. Quando você faz a consulta, aparecem a data do saque e o código da agência”, afirma.

A maior parte (R$ 269,28) havia sido retirada em três unidades da Caixa em Belo Horizonte e o restante em outra do Rio de Janeiro.

O servidor público afirma que entrou em contato com a instituição por telefone e foi orientado a registrar um boletim de ocorrência e procurar uma agência para verificar a situação. Ele disse ao Campo Grande News que ainda não havia conseguido ir até a polícia, o que só o faria nesta segunda-feira (17).

A equipe de reportagem tentou contato com a assessoria de imprensa do banco, mas não houve retorno até a publicação desta reportagem.

FGTS de enfermeira 'aparece' e Caixa diz que verba estava bloqueada
Quatro dias após a enfermeira Michelle Echeverria, de 35 anos, descobrir que parte do FGTS dela "sumiu" ao ir sacar o valor retido nas contas inativa...
Ministro vai encaminhar ao Congresso nova lei de falências, dizem assessores
O chefe da Assessoria Especial do Ministério da Fazenda, Marcos Mendes, disse nesta quinta-feira, 21, que quando o ministro Henrique Meirelles voltar...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions