A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018

08/08/2013 10:45

Vereadores adiam CPI da Homex até conversar com superintendente da Caixa

Francisco Júnior e Jéssica Benitez

Uma reunião entre o superintendente da Caixa Econômica Federal, Paulo Antunes Siqueira, e os integrantes da Comissão de Obras da Câmara Municipal de Campo Grande vai definir o futuro da CPI da Homex. Os vereadores querem saber como está a situação da construtora mexicana, que recebeu incentivos para construir 3 mil casas na Capital, mas abandonou as obras sem concluír metade das residências. 

A intenção dos vereadores é obter informações da empresa antes de instalarem a CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que irá investigar a construtora. Para o vereador Carlos Augusto Borges, o Carlão (PSB), membro da comissão, a CPI já seria instalada nesta manhã, antes da reunião com o superintendente. Segundo ele, quem solicitou o encontro com Paulo Antunes foi o vereador Edil Albuquerque (PMDB).

Mesmo com a reunião, conforme o parlamentar, a CPI será instalada. De acordo com o vereador Alceu Bueno, presidente da Comissão de Obras, a intenção da reunião em saber se a Caixa, além de retomar a obra, ficará responsável pela construção de uma praça, de uma escola e ruas de acesso ao condomínio como estava previsto em contrato com a Homex.

De acordo com Bueno, dos três mil apartamentos previstos para ser construídos, a empresa concluiu apenas 600. Segundo ele, alguns blocos com 60% da obra feita, alguns com 50% e outros com 10%.

Depois da reunião os vereadores irão voltar para a Câmara e decidirem se instalam ou não a CPI. Falta apenas uma assinatura.

Loja terá que pagar indenização por colocar nome de consumidor no SPC e Serasa
Os desembargadores da 5ª Câmara Cível negaram recurso da rede de varejo Casas Bahia contra sentença que a condenou ao pagamento de R$ 7 mil por danos...
Justiça condena empresa telefônica por bloquear linha de cliente
Os desembargadores da 3ª Câmara Cível negaram recurso da companhia telefônica Tim, condenada em primeiro grau a pagar R$ 8 mil a um morador de Três L...


Se fosse envolvendo o Bernal já teriam aberto CPI e estavam já ouvindo. Como Foi o Outro prefeito que fez e o presidente da camara está ai....Mas Deus é justiça.
 
luiz alves em 08/08/2013 12:31:37
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions