ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 20º

Educação e Tecnologia

Programa para qualificar mulheres tem menor índice de evasão na Capital

Apenas 5% das inscritas desistiram do curso gratuito de Assistente Administrativo

Por Kamila Alcântara e Geniffer Valeriano | 23/05/2024 15:10
Prefeita Adriane Lopes e diretor da Funsat, João Henrique, entregam certificado para formanda (Foto: Osmar Veiga)
Prefeita Adriane Lopes e diretor da Funsat, João Henrique, entregam certificado para formanda (Foto: Osmar Veiga)
As primeiras cem mulheres atendidas pelo Programa Nacional Mulheres Mil, em Campo Grande, receberam seus certificados em uma cerimônia marcada pela gratidão e descontração, nesta quinta-feira (23). Com apenas 5% de desistência, foram 40 dias do curso de Assistente Administrativo, oferecidos no Cras (Centro de Referência de Assistência Social) Vida Nova.

O curso foi realizado três vezes na semana, com direito a lanches e recreadores para as crianças que iam por não terem onde ficar enquanto a mãe estuda. Oferecido pelo MEC, o Programa tem o objetivo de elevar a escolaridade e promover a inclusão socioprodutiva de mulheres em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

Em Campo Grande, foram os professores da Funsat (Fundação Social do Trabalho) que estão empenhados em realizar as aulas e garantir a especialização das atendidas. Segundo o diretor-presidente da Fundação, João Henrique Bezerra, uma nova turma está prestes a se formar, no Jardim Noroeste.
Formandas e seus familiares lotam salão do Cras Vida Nova (Foto: Osmar Veiga)
Formandas e seus familiares lotam salão do Cras Vida Nova (Foto: Osmar Veiga)
“Nosso objetivo é também atender a região do Anhanduizinho e Bandeiras, pois queremos chegar às 355 qualificações até dezembro deste ano, totalmente gratuito e para o público feminino. Oferecemos lanches e recreadores para as crianças, para realmente garantir que elas tenham a oportunidade de estar participando”, destaca João Henrique.

A prefeita Adriana Lopes (PP) destaca o baixo índice de desistência do curso, sendo a menor taxa de evasão registrada. “Tivemos o menor índice de evasão do país, que é um presente. É entender que as mulheres de Campo Grande querem uma oportunidade. Elas foram capacitadas de verdade e estão tendo a chance de ter a vida transformada pelo trabalho”, reforça a prefeita.

O curso de Assistente Administrativo tem duração de 160 horas e engloba temas como:  processos administrativos e atividades de apoio em recursos humanos, finanças, logística e vendas, atendimento a fornecedores e clientes, fornecimento e recebimento de informações sobre produtos e serviços, entre outros.
Espaço recebeu decoração especial para o evento (Foto: Osmar Veiga)
Espaço recebeu decoração especial para o evento (Foto: Osmar Veiga)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.


Nos siga no Google Notícias