ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, DOMINGO  19    CAMPO GRANDE 16º

Educação e Tecnologia

UFMS recebe de celular a geladeira em ação para recolher lixo eletrônico

O material pode ser levado até sexta-feira, das 7h às 21h, na Cidade Universitária

Por Aline dos Santos | 15/04/2024 07:48
Campanha da UFMS para coleta de lixo eletrônico no ano de 2022. (Foto: Vanessa Amin/UFMS)
Campanha da UFMS para coleta de lixo eletrônico no ano de 2022. (Foto: Vanessa Amin/UFMS)

A 4ª Semana de Arrecadação de Lixo Eletrônico começa nesta segunda-feira (dia 15) na UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande. A campanha vai até sexta-feira (dia 19). O serviço funciona das 7h às 21h, na Cidade Universitária, localizada na Avenida Costa e Silva, Bairro Universitário.

A lista de materiais que podem ser levados inclui celulares, smartphones, notebooks, tablets, desktop, monitores, impressoras, projetores, equipamentos de imagem, telefones fixos, modens, roteadores, teclados, mouses, acessórios de informática, câmeras, gravadores, calculadoras, controles remoto, carregadores, aparelhos de CD, DVD, bluetooth, materiais elétricos, câmeras de segurança, interfones, fones de ouvido, caixas de som,  aparelhos de reprodução de música, balanças, lanternas,  eletrodomésticos, fogões, cooktops, geladeiras.

Já itens como televisores de tubo e lâmpadas não serão aceitos durante a campanha.

“Pontuamos que não só eletrônicos estragados e queimados sejam trazidos, mas também aqueles que você não usa, que está em boas condições, que pode atender ainda outras pessoas. Que sejam entregues e identificados como equipamentos que ainda funcionam, para que outras pessoas que, porventura, estiverem passando ou participando da feira, possam reutilizar esses itens”, afirma a coordenadora do projeto e professora da Facom (Faculdade de Computação), Luciana Montera.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias