A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

11/08/2009 22:33

Reza de pajé abençoou estreia do Vídeo Índio Brasil 2009

Redação

A reza conduzida pelo pajé Nito Guarani, que percorreu toda a área de convivência do CineCultura, abençoou a estreia do Vídeo Índio Brasil 2009. No local foi construída uma oca em homenagem e respeito às comunidades indígenas.

Para a coordenador do projeto, Andréa Freire, o festival visa um encontro de olhares e uma aproximação entre os universos indígena e o não-indígena. Em suas palavras, Andréa lembrou ainda que o Brasil tem cerca de 700 mil indígenas, dos quais 10% vivem em Mato Grosso do Sul.

O cineasta carioca Zelito Viana falou em nome dos diretores que tratam da questão indígena em suas produções. Ele falou da importância e seriedade com que a terra deve ser discutida.

A disputa da Raposa do Sol, em Roraima, foi citada por Marcelo Manzatti, coordenador-geral de Políticas para a Diversidade do Ministério da Cultura. Ele disse que agora, o eixo da questão de demarcações indígenas será transferido para o Estado.

A programação do Vídeo Índio Brasil continua nesta semana, até domingo, dia 16. No CineCultura, no período da manhã, são realizados os debates do seminário

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions