A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 20 de Junho de 2018

14/12/2017 09:59

Clubes terão prazo até hoje à tarde para entregar laudos de estádios

Paulo Nonato de Souza
Estádio Morenão mais uma vez é dúvida sobre liberação para receber jogos oficiais (Foto: Arquivo)Estádio Morenão mais uma vez é dúvida sobre liberação para receber jogos oficiais (Foto: Arquivo)

A FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul) marcou para hoje até às 17 horas o final do prazo para que os clubes participantes do Campeonato Estadual de 2018 protocole na entidade os laudos técnicos dos estádios que receberão seus jogos não competição. Sem os laudos dos estádios, os clubes não poderão receber jogos do Campeonato Estadual.

De acordo com nota divulgada no site oficial da entidade, além dos laudos de prevenção e combate a incêndio e pânico, segurança, condições sanitárias e higiene, vistoria de engenharia, acessibilidade e conforto, os clubes deverão apresentar copias dos contratos com empresas de segurança privada, de ambulância e médicos, brigadistas, orientadores de público e gerência de segurança.

O Estadual de 2018 terá quatro equipes de Campo Grande (Operário, Comercial, Novoperário e União/ABC), duas de Dourados (Sete de Setembro e Operário Atlético Clube), uma de Corumbá (Corumbaense), uma de Costa Rica (Costa Rica Esporte Clube), uma de Rio Brilhante (Águia Negra) e uma de Três Lagoas (Misto Esporte Clube).

Em Campo Grande, a expectativa dos quatro clubes é de que o Estádio Morenão esteja em condições de receber jogos dos quatro representantes da cidade na competição.

Além do Morenão, o Estádio Jacques da Luz, no bairro das Moreninhas, também está cadastrado para receber jogos do Estadual, mas nenhum dos dois estão aprovados. Principal palco do futebol sul-mato-grossense, o Morenão chegou a ficar quase três anos interditado por determinação do Ministério Público pode oferecer risco em suas estruturas, e foi liberado para o Estadual deste ano após obras de adequação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions