A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Setembro de 2019

26/08/2019 08:57

Com lombas, serra e travessia de rios, rally larga de Alcinópolis e deixa MS

Carros, motos, quadriciclos e UTVs partem do Estado com destino a Barra do Garças (MT)

Jones Mário
Parte dos UTVs foi impedida de completar trajeto previsto na primeira parte por causa de fazendeiro (Foto: Victor Eleuterio Costa/Divulgação)Parte dos UTVs foi impedida de completar trajeto previsto na primeira parte por causa de fazendeiro (Foto: Victor Eleuterio Costa/Divulgação)

Após largada em Campo Grande e primeira parada em Costa Rica, os pilotos do Rally dos Sertões deixam Mato Grosso do Sul nesta segunda-feira (26), com destino a Barra do Garças (MT). A saída para a segunda fase da prova é em Alcinópolis, com percurso repleto de obstáculos e nível técnico alto.

A especial é a segunda mais longa da edição 2019 do rally, com 530 quilômetros de trecho cronometrado. O deslocamento inicial, de Costa Rica até Alcinópolis, soma 95 quilômetros.

Segundo a organização da prova, o segundo dia de disputa conta com trechos de serra, areia, cascalho, travessia de rios e retas, que permitem velocidade de até 180 km/h. Nos primeiros 200 quilômetros, lombas de curva de nível caracterizam o trajeto. Depois, o ritmo é quebrado por zonas de radar em áreas de pontes.

Por volta das 8h30min desta segunda-feira, motos e UTVs já haviam deixado Alcinópolis. Carros e quadriciclos ainda se preparavam para largar.

A primeira etapa do rally teve imprevistos no domingo (25). Fazendeiro que havia autorizado a passagem do percurso mudou de ideia e decidiu impedir que os competidores entrassem na propriedade. Sem tempo hábil para negociar, a direção da competição decidiu reduzir o tamanho da especial de carros e UTVs no km 248, perto de Camapuã.

Todas as motos e quadriciclos conseguiram cumprir o percurso planejado de 430 quilômetros cronometrados. Dos 53 UTVs, 27 também não sofreram interrupção. Como parte dos UTVs completou o trajeto previsto e o restante teve especial mais curta, os resultados da categoria serão equalizados.

Nesta edição, o Rally dos Sertões ainda dorme em São Miguel do Araguaia (GO), Porto Nacional (TO), São Félix do Tocantins (TO), Bom Jesus (PI) e Crateús (CE) até a chegada em Aquiraz (CE). A competição vai terminar com 4.887,59 quilômetros percorridos, dos quais 2.832 quilômetros de especiais.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions