A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

13/02/2011 12:41

Despedida de Tainha emociona torcida comercialina

Ítalo Milhomem e Danúbia Burema
Tainha foi homenageado antes da partida. (Foto: Adriano Hany)Tainha foi homenageado antes da partida. (Foto: Adriano Hany)

O jogo de despedida do ídolo colorado, Anderson de Souza Gomes, 38 anos, mais conhecido nos gramados como Tainha, emocionou não só o personagem principal desta história, mas os torcedores colorados.

Nos alambrados, faixas dos torcedores com dizeres “valeu Tainha” ou “Tainha eterno” demonstravam o carinho do torcedor pelo jogador.

Na arquibancada do estádio Jacques da Luz, no bairro Moreninhas, cerca de 100 simples torcedores e mais 20 membros da torcida organizada Falange Vermelha faziam a festa e ocupavam os espaços para ver a despedida de Tainha e o último amistoso do time contra o time da Construmart, antes de enfrentar a equipe do Vasco da Gama pela Copa do Brasil.

Antes de pisar pela última vez no gramado como profissional, Tainha que estava com uma camisa comemorativa pelas 200 partidas pela equipe, recebeu uma placa como homenagem do presidente do Comercial, Carlos Alberto Assis, que leu uma mensagem em nomes dos torcedores do clube, retirada de um comentário postado pelo leitor Ivan Almeida, em uma das matérias publicadas no Campo Grande News.

“A despedida do nosso artilheiro Taínha é uma singela homenagem pelos seus tantos gols que se transformaram em alegrias nos gramados de nosso Estado e no Brasil. Obrigado pelo futebol de nossa terra e pelo nosso Comercial”, leu Assis.

O presidente do Comercial disse também, que como forma de gratidão, Tainha estará junto com ele na equipe enquanto ele dirigir o clube.

Anderson ou Tainha como prefere ser chamado se emocionou ao lembrar que seria a última vez que pisava daquela forma nos gramados.

“A ultima vez em que você ouvi o hino como jogador no campo é marcante”, confidenciou Tainha.

Agora ele muda de posição ocupará a função de auxiliar técnico do comandante do time Amarildo Carvalho e coordenando o projeto “Muleque Saci”, que poderá revelar novos talentos para o Comercial.

Ele começa a nova função já com responsabilidade e um pedido de Carlos Alberto.

“Que ele ensine o caminho do gol para os novos jogadores”, profeciou o presidente do Comercial.

O técnico do Comercial elogiou o início da carreira de Tainha na comissão técnica da equipe. “O Tainha está começando bem como auxiliar, e vai ser um bom treinador, porque é esforçado e pergunta bastante”, contou Amarildo.

Jogo do Comercial virou diversão para família nas Moreninhas. (Foto: Adriano Hahny)Jogo do Comercial virou diversão para família nas Moreninhas. (Foto: Adriano Hahny)

Para o jovem torcedor Anthony Reis, de 18 anos, integrante da Torcida Organizada Falange Vermelha falou que o Tainha será inesquecível para torcida.

“ O tainha é eterno par nós da torcida”, afirma Anthony.

A funcionária pública, Leila de Moura, de 35 anos, levou o marido e os dois filhos de 2 e 8 anos para assistir o último amistoso do Comercial e a despedida de Tainha.

A família inteira dela é comercialina. O fiho de dois anos já estava até uniformizado.

Leila conta que os dois desde pequenos já amam o futebol eos jogos do Comercial acabam sendo um programa de família, principalmente quando são realizados nas Moreninhas.

Histórico - O Anderson de Souza Gomes, mais conhecido como Tainha, tem 38 anos, já atuou pelas equipes do Comercial, Operário, Cene, Apucarana (PR), Coxim.

Ele conquistou quatro títulos estaduais pelas equipes do Comercial e do Coxim.

Um dos jogos mais emocionantes para torcida comercialina que foi marcada pela atuação de tainha foi a vitória de 2 a 1 contra o time do São Paulo (SP), pelo Copa Brasil em 2000 no estádio Morenão em Campo Grande.

Tainha (1º da esquerda para direita), na formação de seu último jogo. (Foto: Adriano Hany)Tainha (1º da esquerda para direita), na formação de seu último jogo. (Foto: Adriano Hany)


Parabens ao presidente do E.C.C, e, seu vice Fernando, poucos atletas do colorando tiveram festiviades em suas despedidas, que me lembro nem uma, esses dois dirigentes valorizaram esse atleta que foi melhor doque muitos nesse brasil do futebol,Tainha, lembro de sua estreia no colorado meu time de coração, lembro de voce no roma -PR, Presidente Carlos Alberto, voce e o Fernando Doldan, são pessoas que gosta do Comercial, quando leio alguma coisa do meu clube lembro do gol mais bonito do ano escolhido por Zico, Bugre, nosso centroavente, Dema,volante que jogou no meu santos f.c.

Comercial 2 x 0 Vasco da Gama
 
Alberto Pontes Filho em 15/02/2011 11:04:00
Como o universo tem suas conspirações!!! Tainha e Ronaldo, dois (G)randes artilheiros pendurando as chuteiras aos mesmo tempo, como o futebol pode perder atacantes de peso como eles num mesmo momento?! As camisas 9 de seus clubes ficarão menores a partir de agora...
 
Clodoaldo Rocha em 14/02/2011 01:39:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions