A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

26/05/2013 20:06

Reservas do Flu levam sufoco, mas estreiam com vitória sobre o Atlético-PR

Paula Maciulevicius
Jogadores do Fluminense comemoram gol contra o Atlético-PR. (Foto: Ricardo Ayres/Photocamera)Jogadores do Fluminense comemoram gol contra o Atlético-PR. (Foto: Ricardo Ayres/Photocamera)

O Fluminense estreou no Campeonato Brasileiro de 2013 com vitória, mesmo utilizando a equipe reserva, que superou um grande sufoco nos minutos finais para bater o Atlético-PR por 2 a 1 na noite deste domingo, no estádio Cláudio Moacyr, em Macaé. Rafael Sobis e Samuel marcaram para o time das Laranjeiras, enquanto o zagueiro Manoel descontou para a equipe paranaense na rodada inaugural.

O time de Abel Braga começou melhor e chegou ao gol em cobrança de pênalti do camisa 23, mas permitiu a recuperação do Atlético-PR, que empatou ainda na primeira etapa com gol de cabeça de Manoel. No segundo tempo, em bela jogada de Sobis, Samuel ampliou, mas assim como no primeiro tempo, permitiu pressão do adversário após conseguir a vantagem. Os minutos finais foram dramáticos para a torcida tricolor que foi ao Moacyrzão, mas o Flu suportou e levou os três pontos.

A partida começou com o Fluminense controlando mais a posse de bola, fazendo as jogadas passarem quase sempre pelo meia Felipe, que acionava com frequência o atacante Samuel. Entrosado após vários meses treinando apenas para o Brasileirão, o Atlético-PR chegou primeiro com perigo. Felipe cruzou da direita e Éderson completou de primeira, mandando a bola no travessão de Ricardo Berna.

A defesa do Atlético-PR se posicionava bastante avançada, e foi esse o espaço explorado pelo Tricolor. Aos 15min, Diguinho fez belo lançamento para Samuel nas costas dos zagueiros. O atacante invadiu a área e foi derrubado por um carrinho de Cleberson. Pênalti e amarelo para o defensor do time paranaense. Na cobrança, Rafael Sobis esperou o goleiro Weverton cair e apenas tocou no canto esquerdo, abrindo o placar em Macaé.

O gol acordou o Atlético-PR, que foi para cima do Fluminense em jogadas de velocidade pelos lados do campo. Felipe, em chute espalmado por Berna, e Éderson, que mandou outra bola na trave, quase empataram aos 21min e 27min. A tarefa, porém, ficou nas mãos de um zagueiro. João Paulo bateu escanteio venenoso da direita e Manoel apareceu livre no meio da área para marcar de cabeça e deixar tudo igual no Moacyrzão.

No retorno para o segundo tempo, o técnico Abel Braga mudou o esquema tático com uma substituição. O zagueiro Anderson sentiu um desconforto na coxa e deu lugar ao meia Eduardo, fazendo o Fluminense passar do 3-5-2 para o 4-4-2. A troca deu certo e o time das Laranjeiras conseguiu controlar o setor central do campo.

O segundo da equipe carioca gol veio rápido. Aos 8min, Monzón tocou para Sobis na esquerdam, o camisa 23 passou por um marcador e cruzou da linha de fundo para Samuel, livre, apenas completar para o fundo das redes.

Assim como na primeira etapa, o gol acordou o Atlético-PR. Com exceção de uma boa jogada aos 15min, com corta-luz de Samuel e finalização de Sobis na área, o time visitante passou a dominar o jogo. O técnico Ricardo Drubscky trocou o meia Felipe pelo experiente Paulo Baier, e o atacante Éderson por Ciro. Abel Braga respondeu colocando Rhayner na vaga do cansado Felipe, e o jovem volante Willian no lugar de Rafael Sobis.

Dos 25min aos 40min, o Fluminense levou grande pressão do time visitante, que só não marcou com Paulo Baier por ótima intervenção de Ricardo Berna. No final, o Tricolor conseguiu afastar as jogadas de perigo de qualquer maneira e saiu de campo com os três pontos na sua primeira partida no Brasileirão. (Com informações do UOL Esporte)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions