A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

24/10/2014 14:25

Sul-mato-grossense é “surpreendida” e não avança no mundial de judô

Michel Faustino
Mariana, Larissa e Camila
Trio que representa MS no Campeonato Mundial Sub 21 em Miami. (Foto:Reprodução/FJD-MS)Mariana, Larissa e Camila Trio que representa MS no Campeonato Mundial Sub 21 em Miami. (Foto:Reprodução/FJD-MS)

A judoca sul-mato-grossense Mariana Veiga, foi surpreendida em sua luta de estreia contra a atleta da croácia, Barbara Matic e acabou sendo eliminada na primeira fase do campeonato mundial sub-21, que está sendo realizado em Miami, nos Estados Unidos. Mariana luta na categoria até 70 quilos.

A luta que ocorreu na manhã desta sexta-feira (24) durou pouco mais de um minuto. A atleta sul-mato-grossense acabou sendo surpreendida e foi finalizada pela atleta da Croácia com um Ippon, golpe equivalente a um nocaute.

Mariana é uma das três atletas de Mato Grosso do Sul que participam da competição. Na quarta-feira, a judoca Larissa Farias faturou a medalha de prata na categoria super ligeiro até 44 quilos.

Neste sábado (25) quem estará representado o Estado e o País na competição é douradense Camila Gebara do Clube Sakurá, na categoria acima de 78 quilos.
O mundial sub 21, que começou na terça-feira (21) e vai até amanhã, está sendo realizado no Broward Convention Center, em Miami. Estão previamente inscritos 563 atletas – 331 no masculino e 232 no feminino – de 80 diferentes nações. Japão, Rússia e Estados Unidos são os únicos países que estão com o número máximo de atletas permitidos: 20.
Brasil, França e Holanda vêm logo atrás com 19 judocas em suas equipes. Do outro lado, 11 países serão representados por apenas um atleta: Aruba, Camarões, Djibuti, El Salvador, Emirados Árabes Unidos, Estônia, Panamá, Paquistão, Paraguai, Suíça e Togo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions