A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

25/01/2012 19:29

Tido como promessa, lateral de MS briga contra o rebaixamento na Itália

Jeozadaque Garcia
Com a camisa do Catania, Martinho disputou 11 partidas e não venceu nenhuma. (Foto: Divulgação/Site Oficial)Com a camisa do Catania, Martinho disputou 11 partidas e não venceu nenhuma. (Foto: Divulgação/Site Oficial)

Apontado como uma das promessas da América do Sul para a temporada 2010/11 na Europa, de acordo com edição eletrônica da La Gazzetta dello Sport, o campo-grandense Raphael Martinho, de 24 anos, convive hoje com o ostracismo desde que chegou à Itália.

O jogador se destacou no Paulistão de 2010 pelo Paulista atuando na lateral-direita. Porém, desde que chegou ao velho continente se tornou meio-campista e não conseguiu mostrar o mesmo futebol.

Contratado pelo Catania na temporada 2010/2011, Marinho disputou 11 partidas no Campeonato Italiano, todos entrando no decorrer do jogo, e não marcou nenhum gol. Além disso, empatou três e perdeu oito duelos.

No meio do ano passado o jogador foi emprestado para o Cesena, mas a fase não mudou. Nesta temporada, fez cinco jogos (quatro como titular) na modesta campanha de sua equipe, que ocupa hoje a 18º colocação no Campeonato e briga contra o rebaixamento.

Levantamento realizado este mês pela ESPN classifica o desempenho do jogador no Campeonato Italiano como ‘discreto’. Ao todo, 39 jogadores brasileiros atuam no futebol italiano.

Nascido em Campo Grande e revelado pelo Votoraty em 2009, Raphael assinou um contrato de cinco anos com o Catania, que adquiriu 80% dos direitos do atleta, e o emprestou ao Cesena.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions