A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 17 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


18/06/2014 06:00

0 x 0 não é o fim do mundo, diz André

Edivaldo Bitencourt

Trégua - Os deputados foram ao plenário ressaltar que esperam que o governo federal conclua a negociação ainda este mês com os produtores rurais na região do Buriti, já que no momento apesar de toda tensão no campo, existe uma trégua entre os fazendeiros e indígenas. No entanto, em função do não entendimento do valor das terras, a questão ainda gera divergência. "Os valores que foram oferecidos são abaixo do mercado. É preciso valorizar uma terra que é muito boa", ponderou o deputado Zé Teixeira (DEM).

Chapa - O deputado Lídio Lopes (PEN) afirmou que a preferência da legenda é pelo apoio ao ex-prefeito Nelsinho Trad (PMDB). Entretanto espera formar uma chapa com partidos menores na proporcional. "Esperamos conseguir esta articulação, para termos mais chances na eleição".

Boas vindas - Os deputados lembraram a popularidade da presidente Dilma Rousseff (PT) diante da sociedade brasileira, a oposição não deixou de mencionar as manifestações de "boas vindas" que os torcedores deram a presidente na abertura da Copa do Mundo. "Houve muitas vaias nas manifestações". A presidente chegou a ser insultada no estádio em São Paulo.

Convite - O presidente da Agepan,Youssef Domingos, afirmou que recebeu convite e o pedido do governador André Puccinelli (PMDB) para participar desta eleição, mas ele preferiu seguir a frente da instituição. "Fico no cargo até 2017, e preferi continuar do que disputar a campanha, mas não quer dizer que desisti da política".

Benefício - Puccinelli assinou alteração na lei de transporte intermunicipal de passageiros que beneficiou diretamente os taxistas, mas ele deixou bem claro que sua ação para atender a classe não tinha nenhuma intenção "eleitoreira", já que nesta eleição ele não era candidato a nada.

Resposta – O ex-prefeito Alcides Bernal (PP) decidiu ser mais ativo e reagir aos ataques. Ontem, ao ver as denúncias feitas pelo coordenador do Samu, Eduardo Cury, ele rebateu na hora. Divulgou nota em que acusa Cury de ter recebido mais de R$ 600 mil sem trabalhar.

Arquivamento – Ontem, o Diário Oficial de Campo Grande publicou o arquivamento de várias sindicâncias abertas pela Secretaria Municipal de Saúde. No ano passado, Ivandro Fonseca, gestor da pasta na era Bernal, bradava a abertura de sindicâncias contra os médicos. Ele dizia que eram mais de 100. O atual secretário, Jamal Salem, começou a dar encaminhamento às investigações e começou a arquivar a maior parte.

Eleições – O PR bateu o martelo e o candidato a vice-governador na chapa de Delcídio do Amaral (PT) será o deputado estadual Londres Machado. Ele é o presidente regional da sigla e, pela primeira vez em 40 anos, não vai disputar uma vaga no legislativo estadual.

Nelsinho – O governador André Puccinelli (PMDB) considera fundamental o tempo de televisão dos candidatos a governador. Para ele, o candidato do seu partido, Nelson Trad Filho, deve ter, no mínimo, sete minutos para convencer o eleitor a dar continuidade a atual gestão.

Zero a zero – O resultado do jogo do Brasil não desanimou a torcida. O governador afirmou que o resultado não é bom, mas também não é o fim do mundo. Já Delcídio recorreu as musas no estádio para achar algo bom no resultado da partida.

(colaborou Leonardo Rocha)

"Nem a pau", diz Correa sobre desistir de ação contra JBS
Negativo - “Nem a pau”. Essa foi a reação do presidente da CPI da JBS, Paulo Correa (PR), à cogitação de retirar a ação contra a empresa, para preser...
Bonito quer bombar com shows gringos no Carnaval
Bombando - Empresários estão investindo pesado no Carnaval de Bonito 2018. Além da celebridade internacional Paris Hilton, uma das atrações em negoci...
Fábrica planeja investimento de meio bilhão em porto
Projeto ambicioso – Depois de inaugurar mais uma unidade em Três Lagoas, ampliando a produção de celulose, a Fibria negocia com a ampliação da estrut...
MS cumpre "regra de ouro" na finança pública
Melhor que os outros – Existe uma máxima em finanças públicas de que os governos, para não cair em estado de insolvência, não devem custear despesas ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions