ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, DOMINGO  20    CAMPO GRANDE 24º

Jogo Aberto

Ataques de artistas ao Sesc somem das redes sociais

Por Ângela Kempfer | 31/05/2021 06:00
Vista aérea da Morada dos Baís, na Avenida Afonso Pena. (Foto: Divulgação/Sesc)
Vista aérea da Morada dos Baís, na Avenida Afonso Pena. (Foto: Divulgação/Sesc)

Adeus música - Os artistas não gostaram nada de saber que, após seis anos de atividade, o Sesc vai devolver administração do prédio histórico da Morada dos Baís à prefeitura de Campo Grande. Assim que ficaram sabendo, muitos começaram a bombardear as redes sociais com críticas ao abandono do projeto. O estranho é que alguns comentários desapareceram ao longo da tarde de domingo.

Keep calm - Segundo alguns cantores procurados pelo Campo Grande News, representantes do Sesc entraram em contato com cada um dos “críticos”, pedindo para que eles apagassem as postagens e explicando o lado do Sesc, que teria entregue o prédio a pedido da própria prefeitura.

Devido valor - O governo do Estado deve lançar nesta semana o projeto de revitalização do Parque dos Poderes. A sede do governo estadual, do Judiciário e do Legislativo se deteriorou nas últimas décadas, sem qualquer reforma de impacto. A promessa agora é dar à região o devido valor, como sede dos 3 poderes.

Máquina - O ex-vereador André Salineiro abriu mão da política, mas continua prestigiado nas redes sociais. Em janeiro ele voltou ao cargo na Polícia Federal e dia desses ganhou 1.200 curtidas em post com “viatura turbinada”. “Dodge Challenger 800cv...pensa na máquina”, publicou.

Superfaturado - Recorde de valores apreendidos pela Polícia Federal em 2020 foi superfaturado, revela reportagem publicada no fim de semana pelo UOL. Na lista do cálculo fake aparece o caso do doleiro Dario Messer, que durante anos usou rede de contatos na fronteira de Mato Grosso do Sul para escapar da Justiça brasileira.

Mixaria - Segundo a reportagem, em acordo de delação premiada ele prometeu entregar R$ 1 bilhão em bens, mas até a última terça-feira (25) repassou apenas R$ 120 milhões, conforme informações do MPF (Ministério Público Federal). “O grosso dos bens de Messer está no Paraguai, cujo governo também reivindica”, detalha a reportagem. Só do outro lado da fronteira com MS, são 3 fazendas.

Carta - O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) é um dos 18 a assinarem carta endereçada ao presidente da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM). O assunto é a preocupação “acerca da violação das normas constitucionais" com a convocação de nove governadores para prestar esclarecimentos sobre aplicação de verba federal no combate ao coronavírus.

Inconstitucional - O pedido é para que a comissão recue da decisão de convocar os governadores Wilson Lima (AM), Helder Barbalho (PA), Ibaneis Rocha (DF), Mauro Carlesse (TO), Carlos Moises (SC), Waldez Góes (AP), Wellington Dias (PI), Antônio Denarium (RR) e Marcos José Rocha dos Santos (RO). Para quem assina a carta, a convocação é inconstitucional.

Balcão virtual - O Tribunal de Justiça entregou 1 telefone celular para cada vara em Mato Grosso do Sul, e na semana passada concluiu a implantação do projeto “Balcão Virtual”. Agora, se alguém precisa falar em unidades do Judiciário em qualquer município, basta acessar à listagem de número de contatos no link https://www5.tjms.jus.br/servicos/pabx/.

Videochamadas - Pelo Whatsapp, é possível falar com os cartórios dessas varas até por videochamadas, entre 12h e 19h. “Caso a pessoa tenha enviado uma mensagem fora do horário de atendimento, o pedido terá andamento na abertura do expediente do dia seguinte, por ordem de solicitação”, garante o TJ.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário