ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  04    CAMPO GRANDE 17º

Jogo Aberto

Bafômetro obsoleto

Por Jogo Aberto | 28/04/2012 07:00

Já, já

É questão de dias para o DEM anunciar que vai apoiar Edson Giroto para a prefeitura de Campo Grande, confirmando os sinais já dados por nomes de peso do partido, entre eles o deputado federal Luis Henrique Mandetta.

Fraternidade

Nesta semana, ao falar do assunto, o presidente municipal da legenda, Ayrton Saraiva, não só sinalizou apoio, mas também disse que, para ele, o deputado federal do PMDB "é um irmão".

Eu, hein

O festival América do Sul deste ano foi desfalcado por coincidências nada felizes, que foram motivos de muitos comentários de quem estava por lá e viu a solenidade de abertura esvaziada, sob um clima frio pouco comum para a cidade.

Lista

O Skank cancelou o show por motivo de luto. Dino Rocha, adoecido, foi representado pelo filho e o governador André Puccinelli não pode ir em razão da cirurgia a que foi submetida a primeira-dama. Nem o prefeito da cidade, Ruiter de Oliveira (PT), compareceu, também por motivo de saúde.

Diagnóstico

O que tirou o prefeito da abertura do Festival, uma tradição na cidade, foi uma virose, que derrubou o corumbaense desde o começo da semana. Seria a despedida de Ruiter do festival como prefeito, já que ele termina seu segundo mandato este ano.

Próximo

Cotado como favorito para substituir Ruiter na prefeitura, o deputado Paulo Duarte (PT), estava entre as poucas autoridades estaduais que prestigiaram a abertura do festival.

Difíceis

A julgar pela forma como estão agindo boa parte dos promotores públicos de MS, foi-se o tempo dos que adoravam dar entrevista e trazer à tona as denúncias investigadas. Hoje, a maioria só fala por meio de assessoria e olhe lá.

Planos

Daqui seis meses, deve entrar em operação a fábrica de celulose Eldorado em Três Lagoas. A China deverá abocanhar a maior parte da produção: cerca de 50%.

Efeito STJ

O feriadão do Dia do Trabalho vai ser mais um teste de resistência das autoridades de trânsito em relação ao uso do bafômetro para atestar embriaguez de motoristas flagrados dirigindo sob efeito do álcool.

É que, desde que o Superior Tribunal de Justiça decidiu que só o bafômetro e o exame de sangue podem ser provas, poucos são os que topam soprar o aparelho, para não produzir provas contra si.

Despencou

Na área urbana, o cálculo é que nem 10% dos motoristas que são "convidados" a fazer o teste aceitam. Como o exame de sangue é mais raridade ainda, confirmar embriaguez agora...