A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


27/01/2014 06:01

Bêbados acabam com cochilo em plantão de delegacia

.

Sofrimento - Delegado plantonista da Depac Centro recebeu a imprensa “triste” na manhã de domingo. Motoristas embriagados e ladrões não deram trégua, sete foram presos em flagrante. Com tanto trabalho, “nem deu tempo para um cochilinho”, reclamou. 

Rolezinho da PM - Apesar dos tumultos Brasil afora por conta dos "rolezinhos", por aqui, o movimento não emplacou. Só quem apareceu em peso ao shopping ontem foram os policiais militares. Chamados para evitar transtornos, eles tiveram o dia de folga cancelado.

Exagero - Para não dizer que foi à toa, os PMs enquadraram um grupinho que se animou demais no Playland, espaço de jogos do shopping. Quem viu a cena garante que foi um exagero dos seguranças particulares, que se desesperaram diante da reclamação de uma mãe assustada apenas pela presença dos meninos de boné e acionaram a PM.

Mal na foto - Site de notícias de Três Lagoas resolveu fazer uma enquete, perguntado aos leitores qual vereador dentre os 17 da cidade era o mais atuante na Câmara do Município. O resultado ainda é parcial, mas o ganhador é o "nenhum". Do total de respostas, 29,35% disseram que nenhum dos parlamentares tem um bom trabalho.

Fora do circuito - De que adianta Campo Grande ter 3 redes de cinema se todas exibem os mesmos filmes? A pergunta tem rodado os perfis de cinéfilos aqui da cidade. Mas agora também é motivo de reclamação para quem gosta de esporte.

Excluídos - O Cinemark vai exibir em várias capitais brasileiras a 48ª edição do Super Bowl, final do campeonato de futebol americano, no dia 2 de fevereiro. Mas Campo Grande ficou de fora também dessa. A jogo acontecerá no estádio MetLife, em Nova Jersey (EUA) e terá a disputa entre os times Denver Broncos e Seattle Seahawks.

Up - O Sebrae nacional anunciou que vai investir R$ 21 milhões em projetos de recuperação de polos lojistas de rua em 5 estados. Mato Grosso do Sul está na lista, junto com Santa Catarina, Paraná, Goiás e Minas Gerais.

Inseridos - Levantamento nacional mostra que as famílias que ganham até R$ 1,6 mil adquiriram mais da metade dos imóveis do programa Minha Casa, Minha Vida no ano passado. Era justamente a parcela da população que menos tinha acesso a financiamentos habitacional até 2009.

Um pouco mais - Até o fim deste ano, a meta é investir na construção de 3,750 milhões de unidades, aumentando bastante esse teto médio. O plano é atender famílias com renda de até R$ 5 mil. Mas apesar de ser um número grande de moradias, o valor supera em apenas em 500 mil unidades o total de 2013.

Lá vem - O terceiro ciclo do programa Mais Médicos recebe nesta semana mais 2.891 profissionais. São 891 selecionados por meio de inscrições individuais e dois mil cubanos. Lá vem mais pano pra manga de quem reclama dos estrangeiros. Do total, 86 deles vêm para o Centro-Oeste, trabalhar com os índios.

Campanha, tiro na escola e oportunismo
“Guerra virtual” – Não podia ser diferente. O episódio lamentável em que uma criança de 9 anos entrou armada na sala de aula em Campo Grande e atirou...
Justiça agora pode até cobrar Delcídio
Ainda à espera - A Justiça Eleitoral rejeitou o registro de candidatura de Delcídio Amaral (PTC) ao Senado, depois da derrota nas uras. A juíza Eliza...
Clima de campanha não poupa nem festões
Todo lugar - O clima de campanha, neste segundo turno polarizado, não deixa escapar nem os casamentos. Durante festa no sábado no bufê Murano, na Ave...


Sra. Nice, é fácil pôr a culpa do pecado no diabo quando não se foge das ocasiões próximas...

O que diferencia as bebidas alcoólicas e o tabaco do que é realmente droga é que, até certa dose, as bebidas não tiram a razão da pessoa e o tabaco não enlouquece em dose alguma (embora fumar seja nocivo a outros órgãos), já com a maconha, não, qualquer dose de baseado deixa "doidão" a quem consome.

Fato é que, com a crise moral da sociedade, grande parte de quem bebe hoje em dia não sabe apreciar as bebidas, pensa que é "chique" se embriagar e provoca as confusões que conhecemos. Mas a solução não é proibir as bebidas, até porque tem gente sóbria capaz de fazer coisas piores. O correto é educar moralmente, e quem se perceber alguma fraqueza, que não beba. Simples, assim.
 
Marcel Ozuna em 27/01/2014 12:36:42
Tenho nojo de bêbados. Até quando esse tipo de droga(álcool) vai ser ignorada pelo poder Público e sociedade, está mais do que provado que essa porcaria e seus viciados são os responsáveis pelas tragédias familiares.
 
Nice Soares em 27/01/2014 08:38:34
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions