A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


16/07/2019 06:00

Bope vai à Assembleia Legislativa treinar pessoal

Ângela Kempfer, Marta Ferreira e Leonardo Rocha

Seguro morreu de velho – Policiais do Bope (Batalhão de Operações Especiais) fazem treinamento de 62 servidores que atuam na segurança da Assembleia Legislativa. A iniciativa, que teve continuidade nesta segunda-feira (15), foca os procedimentos em situações envolvendo explosivos, do reconhecimento de suspeitos à identificação dos artefatos.

Debate quente - O projeto que proíbe "afronta" e "sátira" aos cristãos durante manifestações artísticas ou atos públicos em Mato Grosso do Sul, ficou para o segundo semestre. A matéria, que gerou polêmica desde a apresentação, está parada na CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação), aguardando parecer do deputado Marçal Filho (PSDB). Como relator do projeto, ele pediu mais prazo para analisar.

Discutindo a relação - Os deputados Rinaldo Modesto (PSDB), Onevan de Matos (PSDB) e Marçal Filho (PSDB), que votaram contra o projeto do governo com regras para contratar professores, ainda não foram chamados para reunião do partido sobre a questão. Também preferiram não se manifestar sobre as críticas do governador em relação à votação. Só vão falar depois desse encontro.

Em alta - A SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciências) vem aí, com abertura no dia 21 de julho no Glauce Rocham, na UFMS. O maior evento científico do Brasil, entre os maiores do mundo, levanta a moral de pesquisadores sul-mato-grossenses, apesar do orçamento este ano ser o menor das últimas edições.

Sertanejo até aqui? - Um detalhe no Diário Oficial do Estado chamou atenção ontem (15) sobre o evento científico. Duas atrações musicais da SBPC tiveram os cachês divulgados. Enquanto o grupo indígena de rap Brô MCs,  de Dourados, vai receber R$ 8 mil por 2 horas de show, a dupla quase sertaneja Fred e Victor levará R$ 30 mil por 1 hora.

É fogo - Incêndio em Mato Grosso do Sul entrou para lista de eventos da maré de azar da Pátria Investimentos, grupo que tenta vender sua participação na Dânica Zipco, fabricante de sistemas de isolamento térmico. A fábrica pegou fogo em Aparecida do Taboado.

Alto nível - A INA (Instituição Indigenistas Associados), representante dos servidores da Fundação Nacional do Índio, elaborou carta pública pedindo para que o próximo a assumir o cargo tenha, pelo menos, experiência profissional de no mínimo cinco anos e ter ocupado cargo em comissão ou possuir título de mestre ou doutor.

Prefeito Marquinhos Trad em foto envelhecida por app que virou moda; ele publicou a imagem no Instagram (Foto: Reprodução)Prefeito Marquinhos Trad em foto envelhecida por app que virou moda; ele publicou a imagem no Instagram (Foto: Reprodução)

Corrigindo - Voltou para a Comissão de Constituição e Justiça do Senado o texto da sul-mato-grossense Soraya Thronicke (PSL-MS), relatora do projeto obrigando presos a devolverem ao Estado os recursos gastos durante o período na cadeia. Para os senadores a matéria precisa de melhorias.

Na moda - O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), exercitou o bom humor e entrou na brincadeira do app "envelhecedor" usado por milhares de pessoas nas redes sociais nos últimos dias. Ficou muito parecido com seu falecido pai, Nelson Trad.

De volta - Ciro Gomes tem agenda em Mato Grosso do Sul no próximo dia 16 de agosto. Fará palestra na UEMS sobre "Universidade e Desenvolvimento Social e Político". É a segunda vez por aqui desde a campanha eleitoral, quando veio em agosto.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions