A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


30/03/2011 06:00

Sem sossego

Jogo Aberto

Com problemas como enchentes E crise na Santa Casa, O prefeito Nelsinho Trad (PMDB) falou, ao ser cercado pela imprensa, que poderia haver uma lei que permitisse a ele comentar somente coisas do evento em questão. Como não há a tal regra, ele respondeu a tudo direitinho.

O secretário de esportes e atual presidente municipal do PSDB, Carlos Alberto Assis, tem defendido fielmente o patrão nas redes sociais. No twitter, ele disse que muitas pessoas reclamam dos buracos, que Nelsinho é filho de Deus, mas nao é Jesus Cristo, e conclui que só milagre arruma tudo em tão pouco tempo,

Mesmo sem chuva, a água não dá trega ao prefeito Nelsinho. Durante a entrega dos prêmios do IPTU nesta semana, ele quebrou quatro copos descartaveis ao tentar retirá-los. Depois, ao encher o copo com água, levou um banho pois estava furado.

Servidores da imprensa na Assembleia agora vão ter de andar uniformizados. Na TV, as roupas padronizadas já estão quase prontas para a "estreia" do modelito.

A vereadora Thais Helena apresentou projeto na Câmara Municipal que prevê a reserva de vagas para portadores de necessidades especiais, idosos e gestantes, em praças de alimentação dos centros comerciais de Campo Grande, como shopping centers, hiper e supermercados, restaurantesé até lanchonetes.

Outra porposta que chama a atenção, vem do deputado Diogo Tita (PPS). Ele apresentou projeto de lei na Assembleia que dispensa e estabelece a restituição de valores pagos de IPVA nos casos de furto ou roubo de veículos.

No caso da restituição, a proposta é de que o imposto pago seja dividido por 12 e proporcionalmente restituído levando em conta os meses que o proprietário ficou sem o veículo. Em caso de recuperar o bem, o imposto será cobrado no exercício seguinte, em 12 parcelas iguais.

A coordenadora de Políticas para Mulher, do governo Zeca do PT, agora será assessora do deputado Cabo Almi. A nomeação de Maria Rosana Pinto Gama foi publicada ontem], com data retroativa de 1º de março.

Servidores do Parque dos Poderes reclamam que, praticamente todos os dias, algum veículo é arrombado nos estacionamentos em frente as secretarias. Ontem, ladrão abriu carro para roubar cadeirinha de bebê.

Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...
Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...


Certas normas devem estar intrinsecamente ligadas a educação que a gente traz do berço. Essa Lei, é regra de conduta e de moral cristã. (Se o nós tivessemos...)
 
PAULO VALDECI JORGE em 02/04/2011 08:08:08
Vai chegar o momento em que, na nossa sociedade cheia de cotas e reservas, o cidadão que não se encaixa em nenhuma delas vai se ver obstruído nos mais simples direitos. Aí serão criadas novas cotas e reservas.
 
Endrigo Zotelli em 31/03/2011 09:18:38
Me admira muito que em pleno século 21 vc pense dessa forma. Um projeto de Lei que venha beneficiar cidadãos, que como voce paga todos seus impostos e tem seus direitos adquiridos, seja criticado dessa forma. Acho que voce esta com a mente um pouco fechada. Olhe ao seu redor e talvez voce encontre pessoas bem proximas que necessitem desse beneficio.
 
Ruth Gatte em 30/03/2011 03:53:05
Merece aplausos a iniciativa da Vereadora Thais Helena em adotar medidas em respeito à acessibilidade de idosos, deficientes fisicos e gestantes visando assegurar a liberdade de locomoção, em busca de uma maior inclusão social baseada na aceitação das diferenças individuais, na valorização de cada pessoa e na convivência dentro da diversidade humana.
 
Mariângela Cury em 30/03/2011 03:47:53
Caro cidadão, vai no shopping numa quarta feira almoçar, claro numa cadeira de roda, sem lugar reservada pra um deficiente, e vê se um filho de Deus levanta e cede o lugar pra vc. Depois voce vem falar sobre inventando moda.
 
Rafael Rodrigues Marques em 30/03/2011 03:40:18
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions