ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUINTA  17    CAMPO GRANDE 18º

Jogo Aberto

Crise põe na geladeira "negativação" de contribuinte

Por Marta Ferreira e Gabriela Couto | 20/05/2021 06:00
O secretário Pedro Pedrossian Neto, que estima receita de R$ 20 milhões com novo Refis da prefeitura. (Foto: Kísie Ainoã)
O secretário Pedro Pedrossian Neto, que estima receita de R$ 20 milhões com novo Refis da prefeitura. (Foto: Kísie Ainoã)

Nem pensar – Segue guardada a ideia de mandar negativar os contribuintes devedores de impostos municipais em Campo Grande, que até teve contratação de empresa responsável. O raciocínio é óbvio: a medida não seria nada simpática no atual momento e também não surtiria efeito, diante das dificuldades impostas pela crise sanitária.

Público-alvo – Diferente disso,  a prefeitura vai enviar 240 mil cartas a donos de imóveis que têm dívidas com possibilidade de negociação pelo Refis, aprovado esta semana pela Câmara de Vereadores. A adesão poderá ser feita entre primeiro de junho e 10 de julho.

Meta – Nessa nova oportunidade aos contribuintes inadimplentes, a estimativa de receita é de R$ 20 milhões, nas conta do secretário Pedro Pedrossian Neto, de Planejamento e Finanças. São oferecidos benefícios que incluem a chance de zerar multas e juros.

Deste ano, não – O programa de descontos também permite parcelar os valores. Mas atenção: isso não vale  para dívidas de tributos de 2021 nem para multas de trânsito ou indenização ao Município por dano ao patrimônio.

Possibilidades -  O secretário de Estado de Infraestrutra, Eduardo Riedel, afirmou que a Secretaria de Fazenda está fazendo estudo de viabilidade técnica para apresentar medida efetiva para recuperação econômica em meio à pandemia. A previsão é de anúncio em no máximo 15 dias.

Característica- João Henrique Catan (PL) ganhou apelido de Paulo Correa (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa. É chamado de “menino do topete”, apesar de não ter um. Na sessão de ontem, o deputado veterano comentou até que o mais jovem usa o cabelo sempre “repartido” para o lado esquerdo.

Amigos – O programa que Carlos Marun (MDB) está fazendo na  plataforma Youtube teve a edição mais recente gravada na propriedade do ex-governador "Zeca do PT”, a Pousada Pantaneira Foz do Rio Apa. O petista, acompanhado da esposa Gilda, participou do quadro “roda de tereré”, cada um com sua cuia.

Tudo certo – Ex-rivais, sempre atuando em dimensões opostas na vida pública, os dois  esqueceram disso no momento de lazer. Até afirmam na  gravação que não sentiam saudades  da disputa política.

Pedido - A defesa de Cleber Carvalho de Souza, 44 anos, mais conhecido como "Pedreiro Assassino", pediu ao juiz responsável por ação penal contra ele que exclua dos autos material jornalístico anexado pela acusação. A alegação é de que as reportagens falam em sete assassinatos confessados, quando apenas dois já se transformaram em processos judiciais.

Está perto - Cleber está preso há um ano, quando confessou o assassinato a pauladas de sete homens, ocorridos no período inferior a dois anos. Os outros cinco inquéritos contra ele, segundo apurado pela coluna, estão para ser concluídos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário