A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


28/05/2013 06:00

Depois da greve, mudanças nas delegacias

.

Castigo - A greve da Polícia Civil provocou algumas mudanças nas delegacias em Campo Grande. Fernando Nogueira, responsável pela 5ª DP, vai assumir a Coordenação das Depacs. Ele caiu nas graças da Diretoria Geral depois de discutir com grevistas e assumir viatura para fazer pessoalmente a transferência de presos durante a paralisação.

Falou demais - Nesse remanejamento, o delegado Marco Tulio, que respondia pelas Depacs agora vai para a 1ª DP. Mas quem se deu mal foi Márcio Custódio, até então adjunto na 3ª delegacia, ele passará a ser delegado plantonista. Durante a greve, ele postou no Facebook que delegados também deveriam brigar por aumento. 

Por obrigação - Depois de tanta gente revoltada com a ajudinha que a OAB deu para liberar a advogada Daniela Dall Bello Tinoco Rondão do presídio e levar para a prisão domiciliar, a Ordem resolveu se defender e garantiu que protege sim, mas também vai punir se for necessário.

Peso da lei - Em nota, a entidade esclareceu que "a OAB/MS defende a inviolabilidade das prerrogativas, mas também processa e julga o advogado que no exercício de sua atividade profissional atua de forma antiética", por isso instaurou processo para apurar o envolvimento de Daniela com o PCC.

Náufrago - Até o vereador Alceu Bueno anda chateado com o prefeito Alcides Bernal. Tem dito por aí que aguentaria os trancos na função de apoiador na "base do pão e água". Mas como ultimamente só vê água, acha que ficou difícil não abandonar o barco.

Munição - Os fazendeiros vão com uma força-tarefa para Brasília hoje, na reunião com o ministra-chefe da Casa Civil, Gleice Hoffmann. Vão levar presidente da Federação da Agricultura e Pecuária, Eduardo Riedel, o diretor secretário da instituição, Ruy Fachini, além do senador Waldemir Moka (PMDB), deputados federais e estaduais.

Pressão - E ontem, durante audiência pública na Assembleia Legislativa, já mostraram que estão dispostos a tudo. Para o debate com deputados estaduais sobre demarcação de terras indígenas, levaram imagens fortes, de fazendeiro assassinado. Teve gente que nem conseguiu ver as cenas.

Luxo de lixo - Para justificar o reajuste no valor pago pela limpeza da Câmara Municipal, de 175 mil, para um milhão, um dos argumentos da Casa foi o aumento no número de vereadores. Pegou mal porque muita gente passou a fazer gracinha e saiu dizendo que, realmente, a sujeira deve ficar muito maior. 

Nada com isso - O vice-presidente do Conselho Estadual de Saúde ficou irritado e pareceu não entender o motivo da convocação para oitiva na CPI da Saúde, já que o grupo não tem nenhuma influência no que diz respeito às fiscalizações de contratos fechados e verbas públicas dos hospitais de Campo Grande, o que é responsabilidade do Conselho Municipal de Saúde.

 

 

Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions