A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


07/12/2012 06:00

Econômico

Tem secretário levando muito a sério as cobranças que o governador André Puccinelli (PMDB) faz por cortes de gastos. Um deles é Carlos Marun, de Infraestrutura e Habitação. A coluna flagrou, outro dia, assessora do deputado licenciado comprando crédito de celular para ele em um sacolão na região onde fica a secretaria. 

Como se sabe, o celular pré-pago, que precisa ser abastecido com créditos a medida em que eles acabam, é a opção de quem não gosta de exagerar com os gastos com celular. Pelo menos a lição dele Marun está fazendo.

Até quando
O vice-prefeito eleito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), é visto frequentemente almoçando em um restaurante popular no Centro da cidade. Mesmo num local com valores modestos, não costuma exagerar nos preços das refeições.

Companheiro
Quem viu a cena ontem até pensou que Alcides Bernal, prefeito eleito em Campo Grande, fosse da bancada do PT e não PP, que sempre integrou a base governista na Assembleia Legislativa. Durante apreciação de vetos do governador André Puccinelli, manifestaram-se contra os deputados petistas Pedro Kemp, Laerte Tetila e Cabo Almi. Sob o olhar dos aliados da campanha, Bernal, que  não havia levantado a mão, também votou pela derrubada do veto, o que acabou não ocorrendo.

Então
O presidente da Assembleia, Jerson Domingos (PMDB), ironizou a situação. "Quando ele viu o voto contrário dos companheiros do PT, falou opa, vou acompanhar também".  A situação aconteceu em dois projetos e chegou a provocar risadas tanto de Jerson quanto de Bernal.

Ponderado
Jerson, aliás, fez o discurso da oposição responsável ao comentar como, na avaliação dele, deve se posicionar o PMDB diante da administração de Bernal que está prestes a começar, em janeiro. O deputado comentou que na avaliação dele, não deve ser feita a oposição que apenas discorda, mesmo quando os projetos do Executivo merecem crédito.

Corrido demais
Ao sair rapidamente de evento na Governadoria, André Puccinelli contou que o dia foi tão atribulado que nem almoçou. Na pressa de ir ao Tribunal de Justiça, esqueceu do filho. Já dentro do carro, perguntou: Cadê o Júnior? Assessores chamaram André Puccinelli Júnior, que estava no gabinete do pai.

Estímulo
Ainda de pai para filho, Júnior Mochi, durante premiação sobre o uso racional de energia, contou que mostrou para o filho de 10 anos as últimas contas de luz e fez uma proposta. Caso o valor caia, a mesada aumenta. Agora, segundo o parlamentar, não fica mais luz acesa sem necessidade.

Não é trote!
Frentista que trabalha próximo da loja incendiada ontem na avenida Costa e Silva, em Campo Grande, contou que assim que o fogo começou tentou avisar, aos gritos, bombeiros que estavam no quartel próximo do local sobre o fogo, supostamente iniciado em um aparelho de ar condicionado no prédio. Segundo ele, ninguém deu atenção de imediato.

Crítica
Depois que ficou claro que a coisa era grave, ainda segundo o frentista, houve demora para começar o combate ao incêndio. A reclamação dele coincide com o que afirmaram os donos da loja. Eles reclamaram que, mesmo havendo um quartel dos bombeiros pertinho da loja, a escada de combate ao fogo só chegou ali duas horas depois.

Coincidêndia, ou....
Em pouco mais de uma semana, dois episódios colocaram a Polícia Militar de Mato Grosso do Sul em alerta. Na semana passada, foi a granada jogada na porta do prédio do pelotão das Moreninhas. Ontem, foram os bandidos que explodiram um caixa eletrônico e invadiram a base da Corporação em Aral Moreira. A PM segue dizendo que não há relação com os ataques patrocinados pela facção criminosa PCC.

Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions