A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


28/10/2015 06:00

Gilmar Olarte deixa comando da igreja que fundou

Edivaldo Bitencourt

Prevenido – O PMDB espera ter menos problemas na Justiça Eleitoral em 2016. Segundo presidente regional da sigla, Junior Mochi, o partido vai disponibilizar estrutura jurídica, contábil e de marketing para os candidatos a prefeito e vereador.

Longe – Como o deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB) não foi na eleição do novo diretório regional do partido, ele continua mais longe de ser o candidato da sigla em 2016. Ele ainda busca um meio de trocar de legenda sem enfrentar os tribunais.

Sina – Depois do prefeito afastado, Gilmar Olarte (PP), o atual chefe do Executivo, Alcides Bernal (PP), também está com as contas bloqueadas pela Justiça. Ele teve o bloqueio decretado pela Justiça Federal por conta de supostos desvios na merenda.

Nomeado – Um dos principais defensores do Cimi (Conselho Indiginista Missionário) foi o indígena Dionedson Cândido. Ele foi nomeado assessor do deputado federal Zeca do PT no início deste ano. Após ouvi-lo, a comissão ouviu outras três pessoas.

Polêmica – O ponto alto do depoimento de Dionedson foi quando contou que o deputado estadual Paulo Corrêa, relator da CPI do Cimi, foi visitar uma aldeia em Miranda para pedir votos. Inicialmente, o deputado negou, mas acabou admitindo a campanha junto aos índios. E contou até que foi em Sidrolândia.

Sem igreja – O prefeito afastado Gilmar Olarte não responde mais pela igreja que fundou. O pastor Jânio Faustino informou o oficial de Justiça que a Assembleia de Deus Nova Aliança está sob novo comando. Olarte fundou a igreja e sofre ação da homônima de Cuiabá (MT) para mudar o nome da denominação religiosa.

Dilma – A visita da presidente Dilma Rousseff (PT) promete levar autoridades da situação e da oposição a Três Lagoas nesta sexta-feira. É a segunda visita da petista ao Estado. A primeira visita ocorreu em março deste ano, para inaugurar a Casa da Mulher Brasileira em Campo Grande.

Protestos – Dilma também deverá enfrentar protestos em Mato Grosso do Sul. Além dos movimentos favoráveis ao impeachment, ela deverá ser alvo dos empresários da cidade em decorrência do calote do grupo contratado para construir a mega fábrica da Petrobras.

Presente – O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) promove, nesta quarta-feira, a solenidade de lançamento do novo Portal do Servidor Público. Ele também transferiu o feriado de hoje para sexta-feira, dando de presente para o funcionalismo um feriadão extra, já que vai emendar a folga até segunda-feira (2).

Azul – O prefeito da Capital, Alcides Bernal, destacou, ontem, que as contas do município já estão no azul, apesar dos problemas, como buracos em toda parte. Outra dor de cabeça é a falta de continuidade na coleta de lixo. Uma coisa é certa, os moradores passaram a ter outra prioridade: coleta de lixo e operação tapa buracos.

(colaboraram Alan Diógenes, Michel Faustino e Leonardo Rocha)

Vinda de Temer a MS atraiu poucos políticos
Recepção solitária – Programada em meio ao clima de tensão política sem fim em Brasília, a agenda do presidente Michel Temer em Mato Grosso do Sul no...
Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions