A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


28/11/2017 06:00

Investigadores de golpe recebem ameaças

Marta Ferreira, Humberto Marques e Guilherme Henri

Não para - A quadrilha investigada pela Polícia Federal, sob suspeita de um golpe com mais de 25 mil vítimas em todo País, não tem limites. Depois de simular falsas notícias tentando desacreditar a operação, pessoas ligadas ao grupo passaram a usar a foto de um dos delegados para enganar as vítimas com mensagem no Whatsapp.

Não apenas isso - Mensagens veladas de ameaça começaram a chegar aos policiais que atuam na operação. “Eu me expus mesmo, mas é o meu trabalho”, definiu à coluna um dos responsáveis pelo trabalho investigatório.

Prova – Reportagem do Campo Grande News foi citada pelo juiz federal Rodrigo Boaventura Martins para transformar em preventiva a prisão dos três suspeitos de liderar o esquema, Celso Eder Gonzaga de Araújo, Sidinei dos Anjos Peró, Anderson Flores de Araújo. O texto alertava para a continuidade do golpe e o juiz utilizou para argumentar a necessidade de manutenção das prisões.

Cara nova - O Ministério Público de Mato Grosso do Sul apresentou ontem (27), via Diário Oficial, sua nova identidade visual. A logomarca, basicamente a sigla MPMS estilizada nas cores do Estado, foi encomendada há um ano e meio. Conforme o órgão divulgou, a criação da nova logomarca não teve qualquer custo. O desenvolvimento foi do setor de tecnologia do órgão.

Manual - A nova identidade visual, que ganhou até um guia sobre definições técnicas e de uso, foi aprovada em 23 de novembro pelo Colégio de Procuradores. A resolução que a institui destaca que a “identificação e difusão da imagem são elementos fundamentais à consolidação da credibilidade e do prestígio de qualquer instituição”.

Amigos - André Puccinelli é só elogios ao amigo Carlos Marun. “Cria” do ex-governador –que não se vale do termo para falar do aliado–, o deputado federal está a poucos passos da Esplanada dos Ministérios, onde deve assumir a Secretaria de Relações Institucionais de Michel Temer, no lugar de Antônio Imbassahy.

Adjetivos - “Fico feliz, mas é mérito dele. É uma pessoal leal, fiel, correta e de convicções”, afirma Puccinelli, referindo-se ao seu ex-diretor-presidente de Agências de Habitação, e a quem apoiou para ser vereador, deputado estadual e federal. Quem viu Marun nos legislativos, aliás, recorda-se que o vigor em defender Temer não é uma novidade para o gaúcho.

Agora vai? - O ex-governador também vê boas possibilidades para o Estado com a possível nomeação de Marun. Segundo ele, trata-se de uma projeção para Mato Grosso do Sul –que nos últimos tempos viu bater na trave a possibilidade de emplacar ministeriáveis em Brasília. Do PMDB, por exemplo, Ramez Tebet (Integração Nacional e presidência do Senado) é quem ainda é lembrado.

Casa cheia - Depois de PDT e PSDB realizarem megaeventos para confirmar filiações ou a troca de comandos regionais, o PMDB também espera uma multidão no sábado (2). O ato que deve confirmar André Puccinelli no comando do partido tem potencial, conforme lideranças da legenda, de também lotar a Associação Nipo-Brasileira.

Susto – Os funcionários da FM Capital, na avenida de mesmo nome, em Campo Grande, levaram um susto na tarde desta segunda-feira. Um problema no transformador próximo ao local deixou a rádio sem energia e fora do ar. O problema aconteceu por volta das 16h e até as 18h ainda não havia voltado ao normal.

Pezão pede dica a Reinaldo sobre dívida
Pedido de ajuda - Ao anunciar ontem o depósito do décimo-terceiro salário dos servidores, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou o discurso d...
Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...
Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions